Elvira Afonso de Castela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Elvira Afonso
Condessa de Toulouse
Reinado 109428 de fevereiro de 1105
Condessa de Trípoli
Reinado 110228 de fevereiro de 1105
 
Nascimento 1081
Morte 15 de novembro de 1156 (75 anos)
Cônjuge Raimundo IV de Toulouse
Fernando Fernández de Carrión
Casa Jimena (por nascimento)
Rouergue (por casamento)
Fernández (por casamento)
Pai Afonso VI de Leão
Mãe Ximena Moniz

Elvira Afonso de Castela (1080/8115 de novembro de 1156)[1] foi uma filha ilegítima do rei Afonso VI de Leão e da nobre leonesa Ximena Moniz, portanto irmã de Teresa de Leão, a mãe de D. Afonso Henriques, primeiro rei de Portugal.

Família[editar | editar código-fonte]

Afonso VI de Leão e Castela teve outras duas filhas chamadas Elvira, suas meias irmãs legítimas, e que não devem ser confundidas:

Biografia[editar | editar código-fonte]

Primeiro casamento[editar | editar código-fonte]

Elvira de Castela casou-se em 1094 com o conde Raimundo IV de Toulouse. Antes de acompanhar o marido para a Terra Santa na Primeira Cruzada em 1096, nasceu:

Segundo casamento[editar | editar código-fonte]

Depois da morte de Raimundo em Trípoli, a 28 de fevereiro de 1105, Elvira casou-se, antes de 1117, com o conde Fernando Fernández de Toro, de quem teve:

Precedida por
Ema de Mortain
Condessa de Toulouse
Blason Languedoc.svg

109428 de fevereiro de 1105
Sucedida por
Helena da Borgonha
Precedida por
Estabelecimento do Condado
Condessa de Trípoli
Armoiries Tripoli.svg

110228 de fevereiro de 1105
Sucedida por
Helena da Borgonha

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Torres Sevilla-Quiñones de León, Margarita Cecilia (1999). Linajes nobiliarios de León y Castilla: Siglos IX-XIII (em espanhol). Salamanca: Junta de Castilla y León, Consejería de educación y cultura. ISBN 84-7846-781-5 


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.