Espoleta de percussão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Alguns exemplos de espoletas de percussão.

A espoleta de percussão ("percussion cap" ou "percussion primer" (em inglês)), introduzida por volta de 1820, é um tipo de dispositivo de ignição de uso único usado em armas de fogo de carregamento frontal (antecarga), que lhes permitia disparar de forma confiável em qualquer condição climática.[1] Esta invenção crucial deu origem ao sistema de percussão, que veio a substituir o até então utilizado, sistema de pederneira.

Funcionamento e designações históricas[editar | editar código-fonte]

Exemplar típico de pistola "cap and ball"
com as balas no canto superior esquerdo
e as espoletas abaixo à direita.

Advindo do surgimento da espoleta de percussão, surgiu o "mecanismo de percussão" ("percussion lock" ou "caplock mechanism" (em inglês)), que funciona através de um "cão" que é liberado pelo gatilho que por ação de mola, bate na espoleta causando a ignição da mesma, que por sua vez causa a ignição da carga principal de pólvora; tecnicamente são chamadas de armas de "percussão extrínseca".[2]

Toda arma de fogo que utiliza o mecanismo de percussão é uma "arma de percussão", seja um rifle ou um revólver.[3]

Nesse contexto, em uma época em que o "cartucho" era um mero invólucro de papel, a designação "cap and ball" (algo como "espoleta e bola"), remete ao fato de as armas nesse sistema utilizarem uma espoleta ("cap") para disparar uma bala esférica ("ball").[4]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Capsula SU LUMINELLO.jpg

A espoleta de percussão é um pequeno cilindro de cobre ou latão com uma extremidade fechada. Dentro da extremidade fechada está uma pequena quantidade de um material explosivo sensível ao choque, como o fulminato de mercúrio, com fórmula química Hg(CNO)2 feito de mercúrio, ácido nítrico e álcool. O "mecanismo de perussão" consiste em um pequeno martelo conhecido como "cão", e um bico em forma de cone oco, conhecido como "ouvido"; o "ouvido" se conecta ao interior da culatra da arma. A espoleta de percussão é colocada sobre o "ouvido". Ao ser acionado, o gatilho libera o cão, que cai atinge a espoleta de percussão, fazendo com que o fulminato de mercúrio exploda. As chamas desta explosão viajam através do "ouvido" oco para acender a carga de pólvora principal. as espoletas de percussão foram feitas em tamanhos pequenos para pistolas e tamanhos maiores para rifles e mosquetes.[1]

Na ilustração à direita, pode-se ver uma espoleta de percussão (em amarelo) sobre o "ouvido" da arma (em azul).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Fadala, Sam (2006). The Complete Blackpowder Handbook (em inglês) 5.ª, ilustrada ed. [S.l.]: Krause Publications (publicado em 17 de novembro de 2006). pp. 159–161. 448 páginas. ISBN 978-0-89689-390-0. Consultado em 14 de março de 2021 
  2. «Conceitos básicossobre armasde fogo» (PDF). SENASP. Consultado em 14 de março de 2021 
  3. Carlos F P Neto (5 de agosto de 2009). «Curiosidades da Época das Armas de Percussão». Armas On-Line. Consultado em 14 de março de 2021 
  4. Doug Larson (15 de maio de 2019). «The Lost Art Of Shooting Cap-And-Ball Revolvers». Gun Digest. Consultado em 14 de março de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Espoleta de percussão
Ícone de esboço Este artigo sobre munição é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.