European Hot 100 Singles

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A European Hot 100 Singles foi uma parada musical publicada semanalmente através da revista Music & Media;[1] em 2003, com a descontinuidade da publicação, passou ser divulgada pela Billboard baseando-se em número de vendas recolhidos pela Nielsen SoundScan.[2][3] Para a sua elaboração, levava-se em conta vendas acumuladas de canções em dezoito países da Europa.[4] Com o crescente declínio das vendas físicas, a parada foi substituída pela Euro Digital Songs.[5]

Referências

  1. Sam Bell (2 de outubro de 1999). «Music & Media Debuts European Dance Charts» (em inglês). Billboard. Consultado em 5 de outubro de 2019 
  2. Tice Merriweather (13 de fevereiro de 2006). «New R&B Artist Chris Brown Debuts #1 on the Billboard European Hot 100 Singles Chart» (em inglês). Sony Music Entertainment. Consultado em 5 de outubro de 2019 
  3. Bobby Owsinski (28 de julho de 2018). «Will Billboard Have A New Chart Rival Soon?» (em inglês). Forbes. Consultado em 5 de outubro de 2019 
  4. Larry LeBlanc (27 de dezembro de 2003). «Europe's Top Single of 2003» (em inglês). Billboard. Consultado em 5 de outubro de 2019 
  5. Geoff Mayfield (4 de março de 2006). «Canadian Digital Chart Bows; Jaheim's Third Charms» (em inglês). Billboard. Consultado em 5 de outubro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]