Exile on Mainstream

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Junho de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Exile on Mainstream
Coletânea musical de Matchbox Twenty
Lançamento 2 de Outubro de 2007
Gênero(s) Rock alternativo
Gravadora(s) atlantic
Produção Steve Lillywhite
Matt Serletic
Cronologia de Matchbox Twenty
More Than You Think You Are
(2002)
North
(2012)

Exile on Mainstream é o quarto álbum com Matchbox Twenty e álbum é uma compilação com seis novas canções que surgiram a partir de uma canção de doze gravação da sessão em LA, produzido por Steve Lillywhite, e 11 maiores hits. O álbum foi lançado em 2 de outubro de 2007, que é apenas um dia durante onze anos após o seu primeiro álbum, você ou alguém como você foi liberada em 1 de outubro de 1996. No mesmo artigo, Rob Thomas declarou que Paul Doucette, inicialmente o baterista da banda, iria tocar guitarra devido a partida de Adam Gaynor. O título do álbum é uma referência para os Rolling Stones'Exile on Main St.

Todas as seis das novas músicas do disco foram creditadas aos membros do Matchbox Twenty, uma primeira vez para o grupo. Antes disso, quer as canções foram creditadas ao Rob Thomas próprio ou de co-escrito com vários membros da banda, ou, no caso da canção "Disease", co-escrita por Mick Jagger.

O álbum estava disponível para pré-ordem em 4 de setembro de 2007 através do iTunes. O álbum foi lançado em plena VH1's "The Leak" uma semana antes do lançamento. Faixas vazaram para a Internet em 28 de setembro de 2007, quatro dias antes da data de lançamento oficial. O álbum estreou com o australiano ARIA Albums Chart em 8 de outubro de 2007 em-um número com vendas de 18.199 unidades. Nos E.U.A, o álbum estreou a série em três a tabela Billboard 200, vendendo cerca de 131000 cópias em sua primeira semana. O álbum foi lançado no formato USB punho, bem como a edição 2 CD tornando-as a primeira banda a fazê-lo.

O primeiro single, "How Far We've Come", foi lançado em 16 de julho de 2007 e foi um sucesso no top 10 da Austrália e as 20 maiores nos Estados Unidos.

Paul Doucette anunciou em meados de outubro que "These Hard Times" será lançado como o segundo álbum da única no início de 2008. Ela já recebeu alta em downloads iTunes, gráficos sobre a Billboard Pop 100 #92, e está actualmente a desfrutar forte airplay precoce sobre o formato Adult Top 40, ao largo da força de numerosos acrescenta início em meados de dezembro antes do seu lançamento oficial data. Na Austrália, "All Your Reasons" foi lançado como o segundo único em vez de "These Hard Times", e é o único disponível na iTunes Store australiana.

O álbum já vendeu cerca de 660 000 exemplares, até 7 de Julho de 2008.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Disco 1[editar | editar código-fonte]

  1. "How Far We've Come" - 3:31
  2. "I'll Believe You When" - 3:16
  3. "All Your Reasons" - 2:40
  4. "These Hard Times" - 3:48
  5. "If I Fall" - 2:48
  6. "I Can't Let You Go" - 3:28
  7. "Come Dancing" iTunes Pre-Order - 3:38
  8. "Remedy (Ao vivo)" (originalmente por The Black Crowes)
  9. "Modern Love (Ao vivo)" (originalmente por David Bowie)

Disco 2[editar | editar código-fonte]

  1. "Long Day" - 3:45
  2. "Push" - 3:57
  3. "3 A.M." - 3:44
  4. "Real World" - 3:50
  5. "Back 2 Good" - 5:37
  6. "Bent" - 4:17
  7. "If You're Gone" - 4:34
  8. "Mad Season" - 5:07
  9. "Disease" - 3:38
  10. "Unwell" - 3:57
  11. "Bright Lights" - 4:01