Fernando Reski

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2013). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Fernando Reski
Nome completo Fernando Repitzky
Nascimento 1947 (72 anos)
Rio de Janeiro
Ocupação ator, apresentador, autor

Fernando Reski, nome artístico de Fernando Repitzky (Rio de Janeiro, 1947), é ator, apresentador e autor brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

De origem judaica, Reski é filho do imigrante Svilin Repitzky, natural de Odessa, e de mãe capixaba, também de origem soviética. Seu pai primeiro imigrou para Buenos Aires e de lá para o Rio de Janeiro, onde conheceu a esposa. Apesar de Fernando ser o único filho homem, seu pai nunca o obrigou a seguir seus passos, e sempre deu força para que ele seguisse carreira no que gostava de fazer: atuar.

É diretor do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos do Estado do Rio de Janeiro (SATED - RJ).

O ator é considerado o ator vivo, que mais fez filmes no país, são 53 filmes no currículo.

Atual é apresentador do Programa Show de Entretenimento, na Rádio Nossa Senhora de Copacabana, 98, 7 FM, todas as segundas-feiras, de 20 ás 22 horas, onde faz entrevistas com grandes nomes da cultura nacional e dá dicas culturais.

Atual apresentador e repórter do programa "Gente Carioca" ao lado de CIDA MORAES (ex-BBB) , que é exibido pelo canal 6, da Net , na Cidade do Rio de Janeiro, o programa tem como pauta a Cidade Maravilhosa , sua arte, seu povo e entrevistas artistas de cinema, teatro, televisão e se mantém como o programa que participa das inúmeras estreias culturais, com entrevistas marcantes com várias personalidades da grande mídia. O programa Gente Carioca esta no ar desde Julho de 2011 até hoje (2015) e é referência na TV carioca.

Foi apresentador do programa Comunidade na TV, produzido pela Federação Israelita do Rio de Janeiro (FIERJ). Também atuou em outros programas, sendo responsável pelo extinto quadro "Câmera 9 GLS", sobre assuntos GLS dentro do programa "Câmera 9" da estação de TV CNT do Rio de Janeiro. Em 2011 foi apresentador do programa de televisão a cabo "Palco Popular" junto com sua "partner" Cida Moraes , enquanto o programa esteve no ar.

No Carnaval: Desfilou como destaque na União da Ilha, Caprichosos de Pilares e Viradouro. Começou a trabalhar no Carnaval fazendo transmissão dos bailes do Scala Rio 7 durante anos, ao lado da atriz Rogéria. Fez por anos a cobertura pela Band no sambódromo, ao vivo, e na CNT. Fez por 2 anos parte do júri do grupo de acesso, a transmissão de camarotes NET RIO, a transmissão no Programa de Miami da atriz Teresinha Sodré, do camarote da Brahma 2015 e, por último, em 2015, fez a transmissão exclusiva da escola de samba Beija Flor de Nilópolis, para o canal próprio da escola. Fernando Reski é sempre convidado da Liesa tendo todos os anos trânsito livre na avenida.

Foi Padrinho da Banda de Ipanema ao lado de Luiza Brunet.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Na Televisão[editar | editar código-fonte]

No cinema[editar | editar código-fonte]


No teatro[editar | editar código-fonte]

  • 1969 - Hair
  • 2015 - Brasil de janeiro a janeiro - Teatro Princesa Isabel
  • 2016 - 100% Comédia - Teatro Princesa Isabel

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]