Gościno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Gościno
Gościno
POL Gościno flag.svg POL Gościno COA.svg
Goscino-180715-2.jpg
Vista da cidade a partir da colina da igreja
Voivodia Pomerânia Ocidental
Powiat Kołobrzeg
Gmina Gościno
Área 5,7 km²
População (2016) 2 410[1][2] habitantes
Densidade 422,8 hab/km²
Código telefônico (+48) 94
Matrículas de automóveis ZKL
Localização
Localização de Gościno na Polónia 54° 03' 03" N 15° 39' 09" E
Cidade da Polónia Flag of Poland.svg

Gościno (em alemão: Groß Jestin) é um município no noroeste da Polônia, na voivodia da Pomerânia Ocidental, no condado de Kołobrzeg e sede da comuna de Gościno. Encontra-se na planície de Gryfice, no córrego de Gościnka e estende-se por uma área de 5,7 km², com 2 410 habitantes, segundo os censos de 2016, com uma densidade de 422,8 hab/km².[1][2]

Localização[editar | editar código-fonte]

A cidade está localizada na planície de Gryfice, a cerca de 20 km ao sul de Kołobrzeg, na estrada da voivodia n.° 162. O córrego Gościnka corre ao longo da parte oriental da cidade, percorrendo 2,5 km ao norte até o rio Parsęta. Aproximadamente 0.8 km a noroeste da cidade existe um lago com o mesmo nome, Gościno.

A área da nova cidade é de 5,7 km².[3]

Aproximadamente a 0,5 km a sudoeste de Gościno há um assentamento, Gościno-Żalno, e a 0,8 km, a vila Gościno-Dwór. Outra vila próxima é Lubkowice, a cerca de 0,5 km ao nordeste.

História[editar | editar código-fonte]

A vila medieval de Gościno era propriedade do conselho da cidade de Kołobrzeg e foi entregue à cidade pelo bispo Johann. Anteriormente tinha pertencido a Nicolau de Jestin. Gościno possuía vários latifúndios, um deles era a fazenda Gościno-Dwór (Gross Jestin Gut), na estrada para Myślin.[4]

Após a Segunda Guerra Mundial, Gościno estava localizada na voivodia de Szczecin, nos anos 1950-1975, na chamada grande voivodia de Koszalin e, em 1975-1998, na chamada pequena voivodia de Koszalin.

Em 1 de janeiro de 2011, Gościno recebeu os direitos de cidade.[3]

Toponímia[editar | editar código-fonte]

Igreja de Santo André Bobola do século XIX
Rua Karlińska, Asilo de Idosos

A primeira menção ao nome da vila foi registrada em 1238 como Gostino,[5] 1281 – Jezstyn .. maiorem,[6] 1296 – Yestin, duabus villis ... antiquo et magno,[7] 1329 – utraque villam nostram Iestin,[8] 1334 – Gross Jestin,[9] 1553 – Gestin[10] 1618, 1789 – Gr. Gestin,[11][12] 1836 – Gr. Jestin.[13] O nome Gościno foi oficialmente introduzido em uma portaria de 1946, substituindo o nome alemão anterior Groß Jestin.[14] Antes, durante os primeiros meses do pós-guerra, os nomes Gostyń e Gostrzyń Pomorski foram usados ​​temporariamente.[15]

O nome da vila foi escrito em 1238 como Gostino após o nome Gość, que é uma abreviação do antigo nome masculino polonês Gościmir.[16] [16]. O nome Gościno vem do nome pessoal Gost, com o sufixo -in(o). Nas entradas posteriores, a letra G- foi substituída pela letra J- do alemão. Também o o mudou para e, que era típico dos dialetos do baixo-alemão. O nome composto também tinha um elemento distinto do alemão, isto é, groß, ou seja, em polonês 'wielki', que é uma tradução do elemento latino usado nas entradas anteriores.[17][18]

Arquitetura[editar | editar código-fonte]

Pia batismal da virada do século XII/XIII

Muitas casas do período que antecedeu à Segunda Guerra Mundial foram preservadas na cidade, incluindo um magnífico prédio na parte norte que abrigou um hospital de campanha logo após a guerra, depois por muitos anos o Lar Estatal de Menores, e agora, entre outros, o Lar do Bem-Estar Social e uma das práticas médicas. A parte oeste da cidade é ocupada por um conjunto habitacional de dois andares da Cooperativa Habitacional Zatorze. Na estrada em direção a Karlino, há uma central de distribuição de energia e uma estação de tratamento de esgoto. Na praça formada pelo cruzamento da rua Kościelna com a 4.ª Divisão do Exército Polonês há um monumento em pedra dedicado ao povo polonês. Uma pedra menor foi colocada perto da igreja em memória dos antigos habitantes alemães.

Monumentos históricos[editar | editar código-fonte]

Na neogótica igreja paroquial católica de Santo André Bobola de 1869,[19] há uma pia batismal esculpida em uma única pedra (calcário de Gotland) da virada do século XII e XIII, na forma de um copo. Além disso, há um cemitério da igreja no registro de monumentos.[20] [19].

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

A cidade possui correios, posto policial, guarda municipal, posto de bombeiros voluntários, lojas (mercearias, farmácias, metais, química doméstica, atacadistas de materiais de construção, autopeças, jardinagem e outros), banco com caixa eletrônico, gastronomia, agroturismo, consultórios médicos, cemitério municipal, campo de esportes com instalações, boliche. Indústria alimentícia (2 padarias, grande fábrica de processamento de leite da Arla Foods[21] - produção de queijo), madeira (serrarias). Sede de muitas empresas de serviços (incluindo transporte, mecânica de automóveis; 3 barbeiros). É sede da Inspeção Florestal Gościno.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Pirâmide etária dos habitantes de Gościn em 2014.[22]
Piramida wieku Goscino.png

Transportes[editar | editar código-fonte]

As conexões de ônibus com Kołobrzeg são fornecidas por várias operadoras. As linhas de ônibus para Białogard, Świdwin, Połczyn-Zdrój e Wałcz também passam por Gościno. Até a década de 1990, um grande cruzamento e, em seguida, a estação final da Ferrovia de Acesso Kołobrzeska, de bitola estreita, operavam na parte oeste da cidade. Os trilhos em Gościn foram completamente retirados na virada de 2006 e 2007.[23]

Educação[editar | editar código-fonte]

Ensino médio em Gościn
Prefeitura e biblioteca em Gościn
Memorial dedicado ao povo polonês

Estabelecimentos de ensino:

  • Complexo escolar em Gościn - ensino fundamental com departamentos de integração Major Henryk Sucharski
  • Complexo escolar em Gościn - Jardim de infância com departamentos de integração
  • Escola secundária Kazimierz Górski
  • Complexo Escolar Maciej Rataj

Cultura e esporte[editar | editar código-fonte]

Gościno possui um campo esportivo, com uma quadra de tênis e instalações sociais. O Olimp Gościno Sports Club opera na cidade, cujo time de futebol joga na 4.ª liga. A equipe tem cores azul marinho e cobre.[24]

Todos os anos, uma corrida de bicicleta pela Copa do Báltico passa por Gościno.[25][26]

Em Gościn existe uma biblioteca pública Tomasz Nocznicki da comuna de Gościno. Um centro de cultura está em operação desde 2009.

Desde fevereiro de 2002, o gabinete da comuna publica um boletim mensal gratuito, Głos Gościna.[27]

Todos os anos, em agosto, são celebrados os Dias de Gościno, durante os quais ocorrem várias festividades, exposições e outras celebrações relacionadas à cidade e à comuna.

Autonomia[editar | editar código-fonte]

Cinco aldeias pertencem a Sołectwo Gościno: Gościno, Gościno-Dwór, Jarogniew, Jeziorki, Lubkowice. O conselho da sołectwo, que apoia o chefe da sołectwo, pode consistir de 3 a 6 membros, e seu número é determinado pela reunião da sołectwo.[28]

Os habitantes do município elegem 8 dos 15 vereadores para o Conselho Municipal de Gościno em duas circunscrições eleitorais.[29]

Comunidades religiosas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Gościno (Pomerânia Ocidental) mapas, imobiliário, GUS, acomodações, escolas, região, atrações, códigos postais, desemprego, salário, ganhos, educação, tabelas, demografia, jardins de infância». Polska w liczbach (em polonês). Consultado em 15 de março de 2020 
  2. a b GUS. «Área e população no perfil territorial em 2016». stat.gov.pl (em inglês). Consultado em 15 de março de 2020 
  3. a b «Rozporządzenie Rady Ministrów z dnia 27 lipca 2010 r. w sprawie ustalenia granic i nazw gmin oraz siedzib ich władz, ustalenia granic niektórych miast oraz nadania niektórym miejscowościom statusu miasta» 
  4. Andrzej Świrko (2005). Pałace, dwory i zamki w dorzeczu Parsęty - Parsęta. [S.l.: s.n.] ISBN 83-7263-900-0 
  5. Robert Klempin (1868). Pommersches Urkundenbuch. 1. Stettin: Böhlau. p. 263 
  6. Prümers, Rodgero (1888). Pommersches Urkundenbuch. Vol. 3. Abt. 1, 1287-1295. Stettin: Friedr. Ragelsche Buchhandlung. p. 106 
  7. Prümers, Rodgero (1891). Pommersches Urkundenbuch. Vol. 3. Abt. 2, 1296-1300 : mit Personen-, Orts- und Sachregister für den II. u. III Band. [S.l.]: Friedr. Nagel (Paul Niekammer). p. 293 
  8. Pommersches Urkundenbuch. 7. [S.l.: s.n.] p. 314 
  9. Pommersches Urkundenbuch. 8. [S.l.: s.n.] p. 319 
  10. PomKirch II p. 367
  11. Eilhardus Lubinus: Wielka Mapa Księstwa Pomorskiego. 1618
  12. David Gilly: «Visualizzatore Immagini TecaDigitale ver. 4.1»  Berlim: 1789.
  13. MpUMbl p. 604
  14. «Rozporządzenie Ministrów: Administracji Publicznej i Ziem Odzyskanych z dnia 12 listopada 1946 r. o przywróceniu i ustaleniu urzędowych nazw miejscowości.» 
  15. Białecki, Tadeusz.; Książnica Pomorska; Uniwersytet Szczeciński. Wydział Humanistyczny.; Archiwum Państwowe w Szczecinie. (2002). Słownik współczesnych nazw geograficznych Pomorza Zachodniego z nazwami przejściowymi z lat 1945-1948 : praca zbiorowa Wyd. 1 ed. Szczecin: Wydawn. i druk Książnica Pomorska. OCLC 56535052 
  16. Edward Breza (1999). Zeszyty Kulickie. [S.l.]: Nazwy wsi i miast wschodniej części Pomorza Zachodniego. p. 96. ISSN 1508-9207 
  17. Rymut, Kazimierz,; Czopek-Kopciuch, Barbara,; Instytut Języka Polskiego (Polska Akademia Nauk). Nazwy miejscowe Polski : historia, pochodzenie, zmiany Wydanie I ed. Kraków: [s.n.] OCLC 36610158 
  18. Rymut, Kazimierz,; Czopek-Kopciuch, Barbara,; Instytut Języka Polskiego (Polska Akademia Nauk). Nazwy miejscowe Polski : historia, pochodzenie, zmiany Wydanie I ed. Kraków: [s.n.] OCLC 36610158 
  19. Piskorski, Czesław (1980). Pomorze Zachodnie : mały przewodnik. Varsóvia: Sport i Turystyka. OCLC 8032482 
  20. «zabytek zachodniopomorskie» (PDF) 
  21. «Polmlek przejmuje fabrykę Arla Foods. To wstęp do przyszłej współpracy obu firm - Mleko sery» (em polonês) 
  22. «Polska » mapy, miasta, GUS, nieruchomości, noclegi, regon, wypadki drogowe, bezrobocie, wynagrodzenie, zarobki, województwa, edukacja, tabele, demografia, statystyki» (em polonês) 
  23. Marciniak, Iwona (13 de outubro de 2014). «Obwodnica Gościna. Otwarcie w "przedwyborczym stylu" [vídeo]» (em polonês) 
  24. «Olimp Gościno w portalu ligowiec.net» 
  25. «www.pucharbaltyku.eu — Coming Soon» 
  26. «www.pucharbaltyku.eu — Coming Soon» 
  27. «Głos Gościna» 
  28. «Uchwała Nr IX/80/03 Rady Gminy Gościno z dnia 18 września 2003 r. ws. nadania statutów sołectwom w gminie Gościn» (PDF) 
  29. «Uchwała Nr XLVIII/303/10 Rady Gminy w Gościnie z dnia 29 kwietnia 2010 r. ws. podziału Gminy Gościno na okręgi wyborcze» (PDF) 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gościno
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Polónia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.