Grau (geometria)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ângulos obtuso, agudo e raso.

O grau (símbolo: °), é uma medida dos ângulos planos correspondendo a 1/360 de uma circunferência. Cada grau pode ser dividido em minutos (′), que equivalem a 1/60 do grau, e segundos (′′), equivalente a 1/60 do minuto.

História[editar | editar código-fonte]

O grau é originário da Babilônia. Para estabelecerem o grau, os babilônios dividiram o círculo em 360 partes iguais, pois acreditavam que essa era a quantidade de dias referente ao período de um ano e porque seu sistema de numeração era de base sessenta ou sexagesimal. Outra herança dos babilônios é a divisão das horas e dos minutos em segundos:

1 hora = 60 minutos = 60′
1 minuto = 60 segundos = 60′′
1 hora = 3600 segundos = 3600′′

Como cada um das 360 divisões do círculo corresponde a um grau, temos que:

1 volta = 360 graus = 360°
1/2 volta = 180 graus = 180° (ângulo raso)
1/4 volta = 90 graus = 90° (ângulo reto)

Outra motivação para escolher o número 360 pode ser porque ele tem 24 divisores.[1] Além disso, 360 é divisível pelos números de 1 a 10, com exceção de 7.[2] Esta propriedade tem diversas aplicações práticas, tal como dividir o planeta em 24 fusos horários, cada um com 15° de longitude, correlacionando com a convenção estabelecida do dia de 24 horas.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Os divisores de 360 são 1, 2, 3, 4, 5, 6, 8, 9, 10, 12, 15, 18, 20, 24, 30, 36, 40, 45, 60, 72, 90, 120, 180 e 360.
  2. Compare 360 com o número 2520, que é o mínimo múltiplo comum dos números 1 a 10.