Greta Benitez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Greta Benitez
Nascimento 1971 (48 anos)
Curitiba
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação Escritora

Greta Benitez (Curitiba, 1971) é uma escritora brasileira, filha da escritora Regina Benitez e do jornalista e crítico de arte Aurélio Benitez. Possui destaque no meio literáio alternativo[1], por suas poesias[2], tendo texto publicados em revistas especializadas da área [3].

Publicou os livros de poesias Rosas Embutidas (edição do autor, 1999) e Café Expresso Blackbird (Landy, 2006).

Destaques em certames literários[editar | editar código-fonte]

1993[editar | editar código-fonte]

1999[editar | editar código-fonte]

  • Descalvado (São Paulo), com o poema Réveillon
  • Votorantim (São Paulo), Prêmio Boturati de Poesia, com O Ter e o não Ter
  • Roque Gonzales 2º Prêmio Missões(Rio Grande do Sul),com Rosas Embutidas, segundo lugar nacional
  • Taba Cultural Editora (Rio de Janeiro), Prêmio edição em 1998, com poema Sem título e em 1999, com O Ter e o não Ter; Estou por um fio e Não devo a ninguém

- Câmara Brasileira de Jovens Escritores (Rio de Janeiro), com Lá Vou Eu

  • Paranavaí (Paraná), com Réveillon
  • São José dos Pinhais (Paraná)com Meu Herói
  • 1ª colocada no prêmio "Cidade de Ponta Grossa", de Ponta Grossa (Paraná), na categoria de poesia moderna, com A Menina Perversa, recebendo no mesmo certame e na mesma categoria a 1ª menção honrosa, com Brinque com um Drinque"
  • Finalista no Concurso de Poesias Erik Satie (São Paulo), onde concorreu com Anjo de Emergência, Casa dos Outros e Beleza
  • No IV Concurso Nacional de Poesia Francisco Igreja (Rio de Janeiro) , foi convidada a participar da antologia, como finalista, com o poema Rosas Embutidas, da qual não participou por estar com livro do mesmo título a ser lançado.
  • No Concurso Internacional Poeta Nuno Álvaro Pereira (Rio de Janeiro), foi finalista tendo concorrido com O Ter e o não Ter, Exata e Meu Herói
  • No concurso de contos José Cândido de Carvalho (Niterói - Rio de Janeiro) recebeu menção especial com o conto Rainhas Desesperadas
  • Recebeu Menção Honrosa no 5º Concurso de Conto- Tristão dos Valles, promovido pela Associação de Escritores de Bragança Paulista, com o trabalho Rainhas Desesperadas (São Paulo)
  • Finalista no I Concurso Prof. Ângelo Magrini Leira, da mesma Associação de Escritores de Bragança Paulista (São Paulo), com Anjo de Emergência.
  • Também classificada no 2º Festival Nacional Literário da Abrace- Prêmio Augusto dos Anjos, categoria Senior de poemas livres, com a poesia Soirée
  • Selecionada no I Concurso Internacional de Poesia- Clube Pan-Americano e Rotary, de Pelotas- Poema sem título (o que é mais triste...)
  • Ganhou o troféu "Prêmio Talento do Paraná", concedido pela Julie&Burk para destaques da área artística do estado.
  • Recebeu "Destaque Criatividade" com o poema Feitiço, no concurso Poeta e Radialista Nilo Torres, de Porto Alegre.

2000[editar | editar código-fonte]

  • Primeira colocada no terceiro Prêmio Missões(Rio Grande do Sul) com Essas Estranhas Mulheres da Cidade e também classificada com Constatação.
  • Primeira colocada na 4º etapa do Festival de Poesia do Sindicato dos Escritores do RJ, com Sem Título.
  • Classificada no terceiro Concurso Internacional de Poesia Mulheres Emergentes(Minas Gerais), tendo poema incluído na publicação ME especial.
  • Teve o poema Réveillon publicado na Seção Nossos Autores, da Secretaria do Estado da Cultura do Paraná.
  • Prêmio Jorge de Lima Brasil 500 Anos, concedido ao livro Rosas Embutidas pela Academia Carioca de Letras e União Brasileira de Escritores.
  • Os Poemas Réveillon e Comics foram incluídos na Antologia Poética Hélio Pinto Ferreira, da Fundação Cassiano Ricardo, São Bernardo do Campo, São Paulo.
  • Classificada no prêmio Modesto de Abreu, da Academia de Letras do Rio de Janeiro com a Trilogia da Eternidade: Anjo de Emergência, Beleza e Pesadelo
  • 4° colocada no concurso Poesias Alternativas, São Paulo, com Ninfas Famintas
  • 5° colocada no concurso Internacional de Verso e Pesquisa Idalina Aparecida Cotrin (Mogi da Cruzes, São Paulo), com Anjo de Emergência
  • Menção Honrosa no 1° Concurso Grandes Nomes da Literatura Brasileira- Editora Phoenix, com Urbana.
  • Menção Honrosa no II Prêmio Nacional de Poesia do Clube dos Escritores de Piracicaba, com Urbana.
  • Selecionada no 7° Prêmio de Cultura em Prosa e Verso de Piedade(São Paulo), com o poema Troca.
  • Classificada no concurso "...E por falar em amor" (São Paulo), com Encontro Clandestino.
  • Classificada no Concurso Francisci Igreja, com A Moça do Tempo.
  • 3ºlugar no Jornal do Condomínio (São Paulo) com O Dia.

2001[editar | editar código-fonte]

  • Selecionada para a antologia Marcas do Tempo III, pelo IV Concurso Regional de Poesia de Descalvado(São Paulo), com Anjo de Emergência.
  • Menção Honrosa do IV Prêmio Missões(Rio Grande do Sul), com Corselet
  • Primeiro, segundo e terceiro lugares em conto no Concurso Poeta Nuno Álvaro Pereira(Valença, Rio de Janeiro), com Paisagem, Café Expresso Blackbird e A Loja de Sapatos, respectivamente. Primeiro lugar em poesia com Corselet.
  • Menção Honrosa em Limeira (São Paulo) com Brechó
  • Selecionada para participar da Revista UK BRAZI, com A Moça do Tempo
  • Menção Especial no XI Concurso Nacional de Poesias "Austregésilo de Athayde", da Academia de Letras e Artes de Paranapuã (Rio de Janeiro) com Brechó
  • Destaques em Londres e Cascais.
  • Selecionada para a coletânea do II Prêmio Leminsky de Poesias (Lapa, Paraná), com Boteco e Deusa de Papel
  • Três poemas, Troca, Brechó e Dias de Sol, selecionados entre os vencedores do Concurso Poemas no Ônibus, da prefeitura de Porto Alegre, Rio Grande do Sul

2002[editar | editar código-fonte]

  • Mais um poema selecionado para Poemas nos ônibus versão 2002: Casa dos Outros.
  • Participa do Fanzine Logo Logos, de Belo Horizonte com Perdas e Ganhos e Troca.
  • Ilustra a exposição da artista plástica Patrícia de Castro com Exata
  • Participa da agenda Livro da Tribo com Réveillon
  • Participa da agenda Arte com Estou pronta...
  • Ganha prêmio de edição no III Concurso Grandes Nomes da Nova Literatura Brasileira da Phoenix Editora com Constatação

2003[editar | editar código-fonte]

  • Premiada no concurso Hélio Pinto Ferreira, promovido pela Fundação Cassiano Ricardo, São Paulo, com Constatação.
  • 4º colocada no I Concurso de Poesia José Gonçalves, Rio Grande do Norte, com Alfarrábio.
  • Selecionada para participar do Livro da Tribo 2004

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.