Hugo Hamacher da Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Hugo Hamacher
Voleibol
Nome completo Hugo Hamacher Silva
Apelido Hugo
Modalidade Voleibol indoor
Nascimento 13 de abril de 1991 (30 anos)
Rio de Janeiro,  Rio de Janeiro
Nacionalidade brasileiro
Compleição Peso: 79kg Altura: 1,94m
Clube Turquia TFL Altekma SK
Medalhas
Competidor do Bandeira do Brasil Brasil
Campeonato Sul-Americano
Ouro Santiago e Temuco 2019 Equipe
Campeonato Sul-Americano Juvenil
Ouro Santiago 2010 Equipe
Campeonato Sul-Americano Infanto-juvenil
Prata Poços de Caldas 2008 Equipe
Competidor do Cruzeiro
Campeonatos Mundiais
Prata Betim 2019 Equipe
Campeonato Sul-Americano de Clubes
Ouro Contagem 2020 Equipe

Hugo Hamacher Silva (Rio de Janeiro, 13 de abril de 1991) é um voleibolista indoor brasileiro, atuante na posição de ponta, com marca de alcance de 345 cm no ataque e 330 cm no bloqueio e servindo as categorias de base conquistou a medalha de prata na edição do Campeonato Sul-Americano Infanto-Juvenil de 2008 no Brasil, no ano seguinte disputou o Campeonato Mundial nesta categoria na Itália, também conquistou o título do Campeonato Sul-Americano Juvenil de 2010 no Chile, disputou em 2011 o Campeonato Mundial Juvenil no Brasil.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Hugo foi revelado nas categorias de base do Fluminense e foi campeão carioca tanto na categoria infanto-juvenil quanto na juvenil[1] totalizando em ambas categorias o tricampeonato carioca, 2006 e 2007 categoria infanto-juvenil e em 2008 na categoria juvenil;[2] permanecendo neste clube de 2006-a 2009.[3]

Em 2008 foi convocado pelo técnico Percy Oncken para os treinamentos da Seleção Brasileira em preparação para o Campeonato Sul-Americano Infanto-Juvenil, realizado em Poços de Caldas-Brasil[4] e Hugo fez parte da equipe que conquistou o vice-campeonato.[1][5][6] No ano seguinte pelo mesmo técnico foi convocado para os treinamentos em preparação para o Campeonato Mundial Infanto-Juvenil[7] e vestindo a camisa#18 disputou tal competição que foi realizada nas cidades italianas de Jesolo e Bassano del Grappa,[8] encerrou pela equipe brasileira em nono lugar.[9]

Despertou o interesse do Pinheiros/Sky na temporada 2009-10, conquistou nas categorias de base por este clube os títulos do Campeonato Paulista Infanto-Juvenil e Juvenil, na categoria adulto conquistou o bronze no Campeonato Paulista de 2009, mesma colocação obtida na correspondente Superliga Brasileira A.[1][3]Em 2010 foi convocado para os treinamentos da Seleção Brasileira, desta vez na categoria juvenil[10] e participou da equipe que disputou na edição do Campeonato Sul-Americano em Santiago-Chile[11] e conquistou o título desta edição e a qualificação para o Campeonato Mundial desta categoria.

Representou o Sada Cruzeiro nas competições do período esportivo seguinte, obtendo nas categorias de base por este clube o título do Campeonato Metropolitano Juvenil e o segundo lugar no Campeonato Mineiro Juvenil.Sagrando-se ainda por esse clube campeão do Campeonato Mineiro de 2010 e do Torneio Internacional UC Irvine no mesmo ano[3] e foi vice-campeão da Superliga Brasileira A 2010-11.[1]Em 2011 voltou a Seleção Brasileira e a representou na edição do Campeonato Mundial Juvenil[12] e disputou esta competição vestindo a camisa#15 e disputou o Campeonato Mundial Juvenil de 2011 , sediado nas cidades brasileiras de: Rio de Janeiro e Niterói, nesta participação vestiu a camisa#10[13] e terminou na quinta posição[3][14] e exerceu em uma partida deste mundial também a função de Líbero.[15]

Renovou com o Sada Cruzeiro e foi vice-campeão em 2011 do Campeonato Mineiro Juvenil e também do Campeonato Metropolitano, e no mesmo ano sagrou-se bicampeão mineiro e no Torneio Internacional UC Irvine e obteve seu primeiro título nacional na edição da Superliga Brasileira A 2011-12.[3]Foi contratado pela UFJF na jornada seguinte, obtendo por este o bronze no Campeonato Mineiro de 2012 e encerrou na décima primeira colocação na Superliga Brasileira A 2012-13 e individualmente destacou-se como o terceiro Melhor Defensor da edição.[3]Em 2013 foi convocado para os treinamentos da Seleção Brasileira para representá-la na categoria sub-23,[16] mas não disputou a primeira edição do Campeonato Mundial desta categoria; e na temporada seguinte atuou por esta equipe que foi semifinalista no Campeonato Mineiro de 2013, terminando na quarta posição e nono lugar na Superliga Brasileira A 2013-14.[3]

Hugo foi anunciado como novo reforço do Voleisul/Paquetá esportes para as competições da temporada esportiva 2014-15.[17] Na tempora seguite atuou pelo São José Vôlei.

Voltou a atuar no voleibol carioca na temporada 2016/17 pelo Sesc RJ, onde conquistou o título do Campeonato Carioca e da Superliga B.[18]

Após atuar no voleibol suíço na temporada seguinte, voltou para o Brasil após ser contratado pelo Maringá Vôlei, conquinstando o título do Campeonato Paranaense de Voleibol de 2019.[19][20] No mesmo ano conquistou o Campeonato Sul-Americano com a seleção brasileira.[21]

Para a temporada 2019/2020 foi anunciado como o novo reforço do Sada Cruzeiro Vôlei. Atuando pelo clube mineiro o carioca conquistou o título do Campeonato Mineiro de 2019, a Copa do Brasil de 2020 e o Campeonato Sul-Americano de Clubes 2020.[22][23] Ao término da temporada o ponteiro foi contratado pelo time turco TFL Altekma SK.[24]

Títulos e Resultados[editar | editar código-fonte]

Premiações Individuais[editar | editar código-fonte]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k Sada Cruzeiro Vôlei. «Perfil Hugo Hamacher Silva». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  2. a b c d Fluminense Football Club. «Voleibol- Títulos Masculinos». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  3. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab Geraldo Maciel. «Perfil Hugo». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  4. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (4 de junho de 2008). «Convocado para os treinamentos visando sul-americano infanto-juvenil de 2008-Seleção brasileira infanto-juvenil masculina: Técnico Percy Oncken convoca 20 atletas para início dos treinamentos». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  5. CSV-Confederação Sul-Americana de voleibol (19 de outubro de 2008). «XVI Campeonato Sudamericano Menores Masculino: Argentina vence a Brasil y es Campeón Sudamericano por primera vez en la historia» (em espanhol). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  6. CSV-Confederação Sul-Americana de voleibol (17 de outubro de 2008). «XVI Campeonato Sudamericano de Menores Masculino: Brasil vence a Chile y enfrenta a Venezuela en la semifinal» (em espanhol). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  7. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (7 de janeiro de 2009). «SELEÇÃO BRASILEIRA INFANTO-JUVENIL MASCULINA: Percy Oncken faz primeira convocação». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  8. FIVB-Federação Internacional de Voleibol. «2009 Boys' Youth World Championship- Jesolo - Bassano del Grappa, Italy -BRA / Brazil - Team Composition» (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  9. a b FIVB-Federação Internacional de Voleibol. «2009 Boys' Youth World Championship- Jesolo - Bassano del Grappa, Italy - Final Standing» (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  10. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (11 de maio de 2010). «SELEÇÃO BRASILEIRA JUVENIL MASCULINA: Percy Oncken convoca 23 atletas». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  11. CSV-Confederação Sul-Americana de voleibol (26 de setembro de 2010). «Sudamericano Masculino Juvenil: Brasil recupera la corona subcontinental» (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  12. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (19 de abril de 2011). «Convocação-Convocação da Seleção Brasileira Juvenil Masculina». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  13. FIVB-Federação Internacional de Voleibol. «FIVB Volleyball Men's Junior World Championship –Brazil 2011- Team Composition» (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  14. a b FIVB-Federação Internacional de Voleibol. «FIVB Volleyball Men's Junior World Championship –Brazil 2011- FINAL STANDING» (em inglês). Consultado em 17 de outubro de 2014 
  15. VôleiBrasil.org. «Perfil da Personalidade do Vôlei-Hugo». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  16. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (21 de agosto de 2013). «Convocação-Convocação da Seleção Brasileira Masculina Sub-23». Consultado em 17 de outubro de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  17. Sogipa Ginástica Novo Hamburgo (30 de setembro de 2014). «Voleisul/Paquetá Esportes enfrenta o Bento Vôlei/Isabela pelo Estadual». Consultado em 17 de outubro de 2014 
  18. «SESC-RJ é campeão da Superliga B em casa». Consultado em 23 de novembro de 2021 
  19. «"Renascido" na Superliga, Maringá apresenta parte do elenco». Consultado em 23 de novembro de 2021 
  20. «Denk Maringá bate o Caramuru no tie-break e conquista o título do Paranaense». Consultado em 23 de novembro de 2021 
  21. «BRASIL LLEVA LA 32º MEDALLA DE ORO EN EL XXXIII SUDAMERICANO CHILE 2019» (em espanhol). Consultado em 23 de novembro de 2021 
  22. «Sada Cruzeiro atropela o Sesi-SP e é pentacampeão da Copa Brasil de vôlei». Consultado em 23 de novembro  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  23. «É hepta! Cruzeiro vence UPCN e conquista o Sul-Americano de vôlei pela sétima vez». Consultado em 23 de novembro de 2021 
  24. «Hugo Hamacher em pré-temporada na Turquia». Consultado em 23 de novembro de 2021