Inácio Krause

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Inácio Krause
Bispo da Igreja Católica
Bispo-emérito de Xingtai
Atividade eclesiástica
Congregação Congregação da Missão
Diocese Diocese de Xingtai
Nomeação 13 de janeiro de 1944
Sucessor Dom Michael Xiao Liren
Mandato 1944 - 1983
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 22 de junho de 1919
Nomeação episcopal 13 de janeiro de 1944
Ordenação episcopal 23 de abril de 1944
Shunteh
por Paul Léon Cornelius Montaigne, C.M.
Lema episcopal FIDES PER CARITATEM
Fé pela Caridade
Brasão episcopal
BishopCoA PioM.svg
Dados pessoais
Nascimento Mielno
9 de junho de 1896
Morte Araucária
31 de agosto de 1984 (88 anos)
Nacionalidade polaco
Funções exercidas - Bispo-auxiliar de Curitiba (1950-1963)
Títulos anteriores Bispo-titular de Binda (1944-1946)
dados em catholic-hierarchy.org
Bispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Dom Inácio Krause (Ignacy Krause), CM (Mielno, 9 de junho de 1896Araucária, 31 de agosto de 1984), foi um bispo católico no Brasil e na China.[1][2]

Filho de agricultores, Krause cursou Filosofia e Teologia em Cracóvia.[3] Professou os votos na Congregação da Missão em 1912, e sua ordenação presbiteral ocorreu em 22 de junho de 1919. No Brasil, foi vigário cooperador em Prudentópolis, Paraná, de 1921 a 1929. Enviado para a China, foi vigário da Paróquia de Shunteh (Xingtai), Hebei, de 1930 a 1933, até ser nomeado, em 26 de outubro de 1933, Prefeito Apostólico.[1][3]

Com a Prefeitura apostólica elevada à Vicariato apostólico[4], foi eleito bispo em 13 de janeiro de 1944, com a sé titular de Binda e Vigário Apostólico de Shunteh (Xingtai). Recebeu a ordenação episcopal no dia 23 de abril de 1944, das mãos de Dom Paul Leon Cornelius Montaigne, sendo concelebrante Dom Giobbe (Job) Chen Chi-ming e Dom John Chang Pi-te.[1] Com a elevação do Vicariato à Diocese, em 1946, torna-se bispo diocesano.[4]

Com o governo comunista, em 1949 Dom Krauze foi julgado e expulso da China. Nos Estados Unidos, trabalhou entre 1949-1952. A seguir voltou para o Brasil, onde exerceu o ministério na organização de novas dioceses.[2] Foi um dos padres conciliares no Vaticano II.[1][3]

Episcopado[editar | editar código-fonte]

Ordenações episcopais[editar | editar código-fonte]

Dom Inácio foi concelebrante da ordenação episcopal de:

Referências

  1. a b c d e f g h i «Bishop Ignacy Krause, C.M. †» (em inglês). Catholic-Hierarchy. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  2. a b «A nomeação de mais um bispo de raízes polonesas contradiz certa imagem estratificada sobre a colônia polonesa no Brasil». Polonicus. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  3. a b c d e f Beozzo, José Oscar (2001). Padres conciliares brasileiros no Vaticano II: participação e prosopografia (1959-1965). Tese (Doutorado em História Social) (PDF). São Paulo: USP. p. 325. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  4. a b «Diocese of Xingtai [Shunteh]» (em inglês). Catholic-Hierarchy. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  5. «Diocese de Joinville». CNBB Regional Sul 4. Consultado em 9 de agosto de 2020 
  6. «Histórico». Diocese de Toledo. Consultado em 9 de agosto de 2020 


Ícone de esboço Este artigo sobre Episcopado (bispos, arcebispos, cardeais) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.