Insatiable (canção de Nadine Coyle)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Insatiable"
Single de Nadine Coyle
do álbum Insatiable
Lado B "Enough Is Never Enough"
Lançamento 1 novembro 2010 (2010-11-01)
Formato(s) CD
download digital
Gravado = 2009
Gênero(s) Pop, R&B, Motown
Duração 3:06
Gravadora(s) Black Pen Records
Composição Nadine Coyle, Guy Chambers
Produção Ricci Riccardi
Cronologia de singles de Nadine Coyle
Último
"Sweetest High"
(2013)
Próximo

"Insatiable" é o título do single solo de estreia da cantora irlandesa Nadine Coyle. Co-escrita com Guy Chambers e produzido por Ricci Riccardi, a música foi lançada como single do primeiro álbum solo de Nadine, Insatiable. A canção foi classificada como "anos 80", soando semelhante ao som do The Bangles, com batidas pesadas e sendo conduzida a voz da cantora ao som da guitarra.[1][2] O videoclipe de "Insatiable" foi dirigido por Wayne Isham, e apresenta Nadine performando com uma banda em diferentes cenários. O single recebeu atenção considerável da imprensa durante seu lançamento, chegando ao 26° lugar no UK Singles Chart.

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

"Insatiable" é o primeiro single solo lançado por Nadine Coyle, após sete anos como integrante das Girls Aloud, grupo vencedor de um BRIT Awards, e com 20 singles no top 10 do UK Singles Chart. Durante a pausa do grupo, Nadine anunciou planos para lançar seu álbum solo.[3][4][5] Nadine trabalhou com vários compositores e produtores famosos, como Guy Chambers.[4][6] Ela disse que a música tinha tudo para ser um sucesso logo que foi finalizada, pois era muito cativante. Ainda comentou: "Eu sabia que tínhamos algo especial quando escrevemos essa música".[7] Nadine revelou que a música tem a intenção de ser "sexy".[8]

Promoção[editar | editar código-fonte]

Um trecho do single foi lançado no site de Nadine em 6 de Setembro. A estreia oficial aconteceu no programa de rádio In:Demand, em 10 de setembro.[9] Nadine foi ao The Scott Mills Show em 15 de setembro, fazer a estreia da canção na mais importante rádio do país, a BBC Radio 1.[10] Nadine ainda se apresentou no programa Paul O'Grady Live,[11] e na famosa casa de shows G-A-Y, em 30 de outubro.[12]

Reação da crítica[editar | editar código-fonte]

A canção recebeu elogios dos críticos de música contemporânea. O Popjustice disse "Gostamos muito disso".[13] A revista Heat descreveu-a como "Muito boa. E sólida. E dramática. Pra se cantar. Gostamos muito, realmente."[14] O Digital Spy também elogiou a música, descrevendo-a como "um pop bombástico".[15] Foi chamada de "animada com influência dos anos 80", recebendo comparações ao som do The Bangles.[16][17]

"Insatiable" foi então lançada em 1 de novembro. Nas prévias do UK Singles Chart do meio da semana, o single aparecia em um decepcionante 35º lugar, vendendo apenas 117 cópias físicas [18][19] e 2.439 downloads digitais.[20] Os números foram amplamente comentados pela imprensa,[21][22][23][24][25][26] atribuindo a baixa venda ao fato de que o CD físico estava disponível apenas nas lojas da rede Tesco.[19] Nos charts oficiais, com as vendas de toda a semana contabilizadas, "Insatiable" atingiu o 26º lugar,[27], saindo do top 40 na semana seguinte. No final da primeira semana de vendas, o single tinha vendido 11.392 cópias - 500 como CD single, e o restante em downloads digitas.[28]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O videoclipe de "Insatiable" foi dirigido por Wayne Isham.[29] Wayne disse sobre Nadine: "Eu adorei a voz e as canções da Nadine desde a primeira vez que ouvi, assim como seu foco em fazer uma performance autêntica e sua visão de como queria que eu trabalhasse com ela. Estou inspirado em levar isso à um nível maior. Essa garota arrasa."[30] Nadine disse: "Eu vi toneladas de filmes de diretores talentosos, mas o olhar de Wayne sobre performances ao vivo, assim como seu trabalho com iluminação e direção de câmeras, me disseram algo de imdiato."[30] O vídeo foi filmado em Los Angeles em 11 de Setembro,[30] e precisou ser re-editado por ter sido considerado "sexy demais" para ser transmitido na televisão.[31][32] Imagens do clipe apareceram nos tablóides em 25 de Setembro,[33] e sua estreia finalmente aconteceu em 3 de outubro.[34]

O clipe mostra Nadine cantando em frente à fundos brancos e pretos. Há também cenas onde chove ao fundo. Ainda há cenas onde ela está acompanhada por uma banda. Nadine recebeu atenção da mídia por seu estilo "sexy".[32][33][35][36] Ryan Love do Digital Spy disse que estava animado para assistir ao clipe, mas acabou desapontado.[37]

Faixas e formatos[editar | editar código-fonte]

  • Digital single[38]
  1. "Insatiable" (Coyle, Guy Chambers)
  2. "Insatiable" (PjOE & Timka Re-Mix Edit)
  3. "Insatiable" (PjOE & Timka Re-Mix Extended)
  4. "Enough Is Never Enough" (Demo Version)
  • CD single (Disponível apenas na rede Tesco)[39]
  1. "Insatiable" (Coyle, Guy Chambers)
  2. "Insatiable" (PjOE & Timka Re-Mix Edit)
  3. "Insatiable" (PjOE & Timka Re-Mix Extended)

Desempenho nas paradas[editar | editar código-fonte]

Parada (2010) Melhor
posição
União Europeia Europa - European Hot 100 Singles[40] 74
 Irlanda - Irish Singles Chart 20
 Reino Unido - UK Singles Chart 26
 Reino Unido - UK Independent Chart[41] 3
Escócia - Scottish Singles Chart[42] 23

Referências

  1. Robert Copsey (2010-09-01). «Nadine Coyle announces new single». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 2010-09-01. 
  2. Mark Savage (2010-09-06). «Nadine Coyle to release debut album on her own label». BBC News BBC [S.l.] Consultado em 2010-09-06. 
  3. «Nadine Coyle sets solo date». ABS-CBN News and Current Affairs. ABS–CBN Corporation. 2009-12-16. Consultado em 2010-09-02. 
  4. a b «Girls Aloud's Nadine Coyle plans to launch new solo album in Ireland». The Belfast Telegraph. Independent News and Media. 2009-12-05. Consultado em 2010-09-02. 
  5. Dean Piper (2009-07-12). «I've Nad enough...». Daily Mirror. Trinity Mirror. Consultado em 2010-09-02. 
  6. «Nadine Coyle enlists Guy Chambers to pen solo CD». The Sun. News International. 2009-12-22. Consultado em 2010-09-02. 
  7. Sarah Bull (2010-09-08). «Nadine Coyle poses provocatively in artwork for new single Insatiable». Daily Mail. Associated Newspapers. Consultado em 2010-09-08. 
  8. Mark Savage (2010-10-11). «Nadine Coyle: 'I recorded my album in the bathroom'». BBC News. BBC. Consultado em 2010-10-11. 
  9. «Nadine Coyle: I am so happy to tell you...». Twitter. 2010-09-10. Consultado em 2010-09-10. 
  10. «Scott Mills: @nadineworldwide Nadine Co...». Twitter. 2010-09-14. Consultado em 2010-09-14. 
  11. «Nadine Coyle dazzles with Insatiable performance». Marie Claire UK. IPC Media. 2010-11-01. Consultado em 2010-11-01. 
  12. «Nadine Coyle to play G-A-Y gig». Metro. Associated Newspapers. 2010-09-08. Consultado em 2010-09-08. 
  13. Peter Robinson (2010-09-06). «Song of the Day: 'Insatiable' by Nadine Coyle». Popjustice. Consultado em 2010-09-10. 
  14. «Nadine Coyle’s new song: We’ve listened to all 3:05 seconds of it». Heat. Bauer Media Group. 2010-09-10. Consultado em 2010-09-10. 
  15. Nick Levine (2010-09-07). «What about this Nadine Coyle album then?». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 2010-09-13. 
  16. Kim Dawson (2010-09-04). «Nadine Coyle hits the right notes with Insatiable». Daily Star. Northern & Shell. Consultado em 2010-09-05. 
  17. Robert Copsey (2010-09-01). «Nadine Coyle announces new single». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 2010-09-01. 
  18. http://www.digitalspy.co.uk/music/news/a285691/coyle-single-sells-117-physical-copies.html
  19. a b http://www.belfasttelegraph.co.uk/entertainment/news/coyle-solo-track-sells-117-copies-14994354.html?r=RSS
  20. http://www.shropshirestar.com/entertainment/showbiz-news/2010/11/03/coyle-solo-track-sells-117-copies
  21. http://www.gigwise.com/news/59302/Girls-Alouds-Nadine-Coyles-Debut-Single-Sells-117-Copies
  22. http://www.nowmagazine.co.uk/celebrity-news/505389/omg-nadine-coyle-has-only-sold-117-cd-copies-of-new-single/1/
  23. http://www.mirror.co.uk/celebs/news/2010/11/03/nadine-coyle-s-flop-of-the-charts-115875-22686937/
  24. http://www.google.com/hostednews/ukpress/article/ALeqM5g9SGkGkJxvRVdeAGzf-EcF64nvVA?docId=N0132491288775500976A
  25. http://www.musicrooms.net/rock-and-pop/19178-Nadine%E2%80%99s-solo-career-off-to-a-slow-start%3F.html
  26. http://www.buryfreepress.co.uk/lifestyle/showbiz-news/coyle_solo_track_sells_117_copies_1_1595923
  27. http://www.bbc.co.uk/radio1/chart/update/singles
  28. http://uk.news.yahoo.com/21/20101105/ten-nadine-coyle-dismisses-poor-sales-5f8abb3.html
  29. Peter Robinson (2010-09-06). «Shoddily copied and pasted Nadine Coyle press release». Popjustice. Consultado em 2010-09-06. 
  30. a b c «Nadine shooting the video for “Insatiable” with Wayne Isham in Los Angeles!». NadineWorldwide.com. 2010-09-12. Consultado em 2010-09-13. 
  31. Naomi Rainey (2010-09-25). «Nadine Coyle video 'too sexy for TV'». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 2010-10-09. 
  32. a b «Girls Aloud's Nadine Coyle deemed 'too sexy' for TV - Daily Gossip». NME. 2010-09-25. Consultado em 2010-10-09. 
  33. a b Sarah Bull (2010-10-25). «Nadine Coyle's Insatiable video deemed 'too sexy for television'». Daily Mail. Associated Newspapers. Consultado em 2010-10-09. 
  34. Dean Piper (2010-10-03). «Coyle on the boil». Daily Mirror. Trinity Mirror. Consultado em 2010-10-09. 
  35. «Nadine Coyle flaunts Insatiable pins». The Sun. News International. 2010-09-30. Consultado em 2010-10-09. 
  36. Ann Lee (2010-10-05). «Nadine Coyle battles Cheryl Cole with sexy new video». Metro. Associated Newspapers. Consultado em 2010-10-09. 
  37. Ryan Love (2010-10-04). «Well, at least you can admire those pins...». Digital Spy. Hachette Filipacchi Médias. Consultado em 2010-10-09. 
  38. «Insatiable by Nadine». iTunes. Apple Inc. Consultado em 2010-10-11. 
  39. CD pic+promo sleeve
  40. http://www.billboard.com/#/charts/european-hot-100?begin=1&order=position
  41. http://www.theofficialcharts.com/archive-chart/_/12/2010-11-13/
  42. http://www.theofficialcharts.com/archive-chart/_/22/2010-11-13/

Ligações externas[editar | editar código-fonte]