Jaime Câmara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jaime Câmara
Deputado federal por  Goiás
Período 28 de junho de 1967
7 de agosto de 1968
Deputado federal de Goiás  Goiás
Período 1 de fevereiro de 1983
até 1987
Vida
Nascimento 16 de julho de 1909
Baixa Verde, RN
Morte 29 de outubro de 1989 (80 anos)
Goiânia, GO,

 Brasil
Dados pessoais
Partido ARENA , PDS
Profissão Jornalista e Empresário na Área de Comunicação.
linkWP:PPO#Brasil

Jaime Câmara (Baixa Verde, RN, 16 de julho de 1909 - Goiânia, GO,29 de outubro de 1989), foi um político

Historia[editar | editar código-fonte]

Natural do Distrito de Baixa Verde(atual João Câmara), no Rio Grande do Norte onde nasceu em 1909, de lá saiu ainda bem jovem para tentar a sorte no sul do Brasil, ficando em Goiás, velha capital, cidade que então lhe oferecia oportunidades de expansão de seus sonhos de empresário e empreendedor, embora fosse fechada na aceitação do novo e do forasteiro, uniu-se ao idealismo de outros tantos e fundou a AGI pelo trabalho de Albatênio Caiado de Godoi. No jornal A Razão, propiciou a discussão de fatos da época, embora de limitadas proporções. Vitoriosa a Revolução de 1930, a velha capital de Goiás, o reacender da velha e controvertida ideia de transferência da Capital para local de melhor acesso.Mudada a Capital, integrou a corrente de pioneiros que sonharam os sonhos de Pedro Ludovico Teixeira e aqui fundou em 1938 o Jornal O Popular que até hoje continua sendo o maior veículo de comunicação da capital goiana, de insuperável prestígio. Aqui se uniu ao talento de Célia Câmara e criou a família, empresário, interligou-se à vida política de Goiás, eleito Prefeito Municipal de Goiânia em 1958, Deputado Federal dez anos depois, em 1968, pela ARENA e, mais tarde, eleito novamente em 1982, pelo PDS, com expressiva votação.Fundou a Rádio Anhanguera, O Jornal de Brasília em 1964, Televisão Anhanguera e todo o complexo de comunicação[1].Teve o mandato de Deputado Federal cassado e os direitos políticos suspensos por dez anos, na legislatura 1967-1971, em face do disposto no art. 4 do Ato Institucional nº 5, de 13 de dezembro de 1968[2].

Precedido por
João de Paula Teixeira Filho
Prefeito de Goiânia
19591961
Sucedido por
Hélio Seixo de Brito

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.