Janethe Fontes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde abril de 2015).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Ambox grammar.svg
Esta página ou secção precisa de correção ortográfico-gramatical.
Pode conter incorreções textuais, e ainda pode necessitar de melhoria em termos de vocabulário ou coesão, para atingir um nível de qualidade superior conforme o livro de estilo da Wikipédia. Se tem conhecimentos linguísticos, sinta-se à vontade para ajudar.
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde dezembro de 2014). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Janethe Fontes
Janethe Fontes
Nascimento 3 de dezembro de 1970 (48 anos)
Nacionalidade brasileira
Ocupação Escritora e ativista cultural
Principais trabalhos Vítimas do Silêncio
Sentimento Fatal
Doce Perseguição
O voo da Fênix
Gênero literário Drama, Romance policial, Ficção

Janethe Fontes (Triunfo, 3 de dezembro de 1970 é Administradora, Ativista Cultural e Escritora brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Janethe Fontes vive em São Paulo desde 1 ano de idade. Atualmente, mora em Guarulhos/SP, é casada e mãe de dois filhos. Além de membro efetiva da Academia Guarulhense de Letras, ocupando a cadeira de nº 36, Janethe Fontes faz parte do Conselho de Cultura da cidade de Guarulhos e de vários movimentos literários. É também mentora do Projeto Escritores na Escola da cidade de Guarulhos, movimento que tem como objetivos: o incentivo à leitura, a busca pela formação de novos leitores; incrementar ao cotidiano escolar a prática da leitura do livro; despertar o gosto pela leitura, de forma que o aluno se conscientize da função e importância do hábito de ler para seus estudos e para seu conhecimento; enriquecer o conteúdo interdisciplinar, visando o aprendizado global; etc. Além de promover a aproximação e interatividade entre estudantes e escritores, através de encontros realizados em instituições escolares públicas e particulares.

Desde 2000, dedica-se a estudos sobre a condição da mulher no Brasil e no mundo, sendo que em 2008 lançou seu 1º livro, um romance ficção que tem como pano de fundo a violência sexual: Vítimas do Silêncio.

Em 2011, em seu segundo livro: Sentimento Fatal, aborda a violência doméstica, o ciúme e a paixão.

A partir de seu 3º livro, porém, Janethe Fontes, que sempre fora amante de romances policiais, sucumbe a essa antiga paixão e lança Doce Perseguição, um romance policial romântico cheio de aventura e suspense. Seu 4º livro: O voo da Fênix segue a mesma linha literária do 3º.

Obras[editar | editar código-fonte]

• Vítimas do Silêncio, lançado em 2008, Editora Universo dos Livros;

• Sentimento Fatal, lançado em 2011, Editora Dracaena;.

• Doce Perseguição, lançado em 2012, Editora Giostri.

• O voo da Fênix, lançado em abril de 2014, Editora Giostri.

Artigos recentes[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Entrevista para o site Leitor Cabuloso (14 de setembro de 2012). Por Júnior, Ednelson: [1]
  • Autora conscientiza sobre crimes contra a mulher (5 de julho de 2013). Dino Online. Belo Horizonte, Minas Gerais.[2]
  • Participação no Salão do Livro de Guarulhos (10 de setembro de 2014). Guia Oficial do Salão. Guarulhos, São Paulo.[3]
  • O lançamento do livro O voo da Fênix é destaque no Jornal Folha Metro (11 de Agosto de 2014). Jornal Folha Metro, pág. 11. Guarulhos, São Paulo. [4]
  • Bate-papo literário sobre O Protagonismo da Mulher na Literatura - Globo/SE (5 de Julho de 2013). Aracaju, Sergipe.[5]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]