Jorge Bolena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Jorge Bolena
Visconde de Rochford
Reinado 15331536
Antecessor(a) Tomás Bolena
Sucessor(a) Tomás Bolena
 
Cônjuge Joana Parker
Casa Real Bolena
Nascimento c. abril de 1504
Blickling Hall, Norfolk
Morte 17 de maio de 1536 (32 anos)
Tower Hill, Londres
Sepultamento Capela Real de São Pedro ad Vincula, Torre de Londres
Pai Tomás Bolena, 1.º Conde de Wiltshire
Mãe Isabel Howard
Assinatura Assinatura de Jorge Bolena


Jorge Bolena (em inglês: George Boleyn; Blickling Hall, abril de 1504Londres, 17 de maio de 1536) foi filho de Tomás Bolena, 1.º Conde de Wiltshire e de Isabel Howard. Foi Visconde de Rochford de 1533 a 1536.

Família[editar | editar código-fonte]

Jorge era irmão de Ana Bolena, a segunda esposa do rei Henrique VIII de Inglaterra, e Maria Bolena, que foi amante do rei Henrique antes do casamento dele com Ana. Era tio materno da rainha Isabel I de Inglaterra, e sobrinho de Tomás Howard, 3.º Duque de Norfolk.

Foi casado com Joana Parker, com quem não teve filhos.

Crime[editar | editar código-fonte]

Foi acusado de incesto com a própria irmã, Ana (fato considerado discutível) e de, com isso, provocar o nascimento do bebê natimorto da rainha. Além de ter sido acusado de bruxaria, também manteve durante seu casamento um caso amoroso com um músico da corte.

Tortura[editar | editar código-fonte]

Ele foi torturado com a irmã a fim de fazê-los confessar, mas os irmãos Bolena negaram até o fim.

Julgamento[editar | editar código-fonte]

O voto de culpá-los foi unânime, incluindo o voto do seu próprio tio, Tomás Howard, 3.º Duque de Norfolk. Acredita-se que a queixa foi dada pela sua própria esposa, Joana.

Execução[editar | editar código-fonte]

Foi decapitado a machadada dois dias antes da irmã. Jorge implorou por clemência e tentou fugir, enquanto Ana foi mais calma, atitude que era muito comum entre a monarquia.

Ancestrais[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.