Judith Lauand

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Judith Lauand (Pontal, 26 de maio de 1922), artista plástica brasileira, concreta, pop e experimental.[1] Começou a dedicar-se a pintura na década de 1940 em Araraquara, na escola de Belas Artes. No início de sua carreira dedicava-se a arte com influência expressionista, pintando figuras e naturezas mortas. Forma-se em Artes Plásticas em 1950 e em 1952 muda-se para São Paulo onde estuda gravura com Livio Abramo. Passa a dedicar-se a abstração em 1953.

História[editar | editar código-fonte]

Entra em contato com o concretismo em 1954. Em 1956 participa de Primeira Exposição de Arte Concreta que marca o surgimento da poesia concreta no Brasil. Em 1955 foi convidada a participar o grupo Ruptura onde foi a única mulher. É fundadora da Galeria NT (NOVAS TENDÊNCIAS) em São Paulo junto com Hermelindo Flaminghi e Luiz Sacilotto. Em 1958 ganha o premio Leirner de Arte Contemporânea. Na década de 1960 começa a utilizar em suas obras materiais pouco usuais como tachinhas, alfinetes, clips e dobradiças, com efeitos e ritmos ópticos.[1]

Premios[editar | editar código-fonte]

  • 1964 - 13° Salão Paulista de Arte Moderna - Prêmio Aquisição
  • 1959 - 8° Salão Paulista de Arte Moderna - Prêmio Aquisição
  • 1958 - 7° Salão Paulista de Arte Moderna - Prêmio Aquisição
  • 1955 - 4° Salão Paulista de Arte Moderna - Pequena Medalha de Prata
  • 1954 - 3° Salão Paulista de Arte Moderna - Grande Medalha de Bronze
  • 1953 - 16° Salão de Belas Artes de Araraquara - Prêmio Cidade de Araraquara
  • 1952 - 15° Salão de Belas Artes de Araraquara - Primeiro Lugar
  • 1945 - 9° Salão de Belas Artes de Araraquara - Prêmio Estímulo de Desenho

Exposições Individuais[editar | editar código-fonte]

  • 1954 - São Paulo SP - Primeira individual, na Galeria Ambiente
  • 1962 - Campinas SP - Individual, na Galeria Aremar
  • 1965 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Novas Tendências
  • 1971 - São Paulo SP - Individual, na Galeria da Aliança Francesa
  • 1977 - São Paulo SP - Individual, no MAC/USP
  • 1984 - São Paulo SP - Geometria 84, na Paulo Figueiredo Galeria de Arte
  • 1986 - São Paulo SP - Individual, na Choice Galeria de Arte
  • 1992 - São Paulo SP - Efemérides, no MAC/USP
  • 1994 - Pontal SP - Individual, na Casa da Cultura Manoel de Vasconcelos Martins
  • 1996 - São Paulo SP - Judith Lauand: obras de 1954-1960, no Sylvio Nery da Fonseca Escritório de Arte

Referências

  1. a b «Judith Lauand». Itaú Cultural. Consultado em 26 de abril de 2014