Kelly Slater

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Kelly Slater
Surfista
Kelly slater.jpg
Dados Pessoais
Nome completo Robert Kelly Slater
Apelido Hell, Slts GOAT
Nacionalidade norte-americano
Nascimento 11 de fevereiro de 1972 (50 anos)
Cocoa Beach, Flórida
 Estados Unidos

Cocoa Beach
Residência atual Cocoa Beach, Flórida
Ocupação ator/atriz, surfista (d) e produtor cinematográfico
Altura 1,75 m
Peso 72 kg
Carreira profissional
Patrocinador (es) Slater designs, Outerknown
Período em atividade 1990-presente
Títulos Unodecacampeão Mundial de Surfe - WCT (1992, 1994, 1995, 1996, 1997, 1998, 2005, 2006, 2008, 2010, 2011)
Website www.kellyslater.com

Robert Kelly Slater (Cocoa Beach, 11 de Fevereiro de 1972) é o maior surfista profissional da história deste desporto.[1]

Começou a competir no ano 1978, quando tinha seis anos de idade, no Salick Brothers Surf Contest, que venceu. Slater é unodecacampeão mundial de surfe, e competiu nos X-Games de 2003 e 2004. Kelly Slater deu início a uma nova era do surf de alto desempenho a partir dos anos 1990. Seu período de maior hegemonia aconteceu entre 1993 e 1998,  quando ganhou cinco títulos seguidos, surfando em um nível muito acima do de seus adversários. Depois de superar o recorde anterior de quatro títulos consecutivos de Mark Richards[2], Kelly Slater chegou a se aposentar em 1999, mas o período longe de competições durou pouco. Ele ganhou sua quinta coroa no "Pipe Masters" e o evento do CT no "Taiti" durante a fase em que apenas “se divertia” em competições, enquanto se mantinha ocupado com projetos de filmes, músicas e negócios. Entretanto, depois que Andy Irons, Mick Fanning e Joel Parkinson surgiram como uma nova e talentosa geração no WCT, Kelly Slater decidiu voltar a competir para valer. Ele voltou ao circuito em tempo integral em 2002 e, nos cinco anos seguintes, enfrentou seu rival mais difícil: Andy Irons. O havaiano o venceu por três anos seguidos. Slater finalmente recuperou o título em "2005" e repetiu em "2006", encerrando a sequência vitoriosa de Irons. Seu último título Mundial foi em 2011.

Slater acompanhou a evolução e as mudanças do esporte durante duas décadas, inspirando surfistas de duas gerações, sendo considerado por muitos como o maior surfista de todos os tempos. Detentor quase todos os principais recordes importantes do esporte, incluindo 11 títulos mundiais, 56 vitórias na carreira, além de ser o mais jovem e mais velho campeão mundial na história entre os homens —  ele conquistou seu primeiro título mundial em 1992, aos 20 anos, e o último em 2011, aos 39. Kelly Slater também será lembrado pela tecnologia de piscinas de ondas que ele e sua equipe de engenheiros da Kelly Slater Wave Co. colocaram em prática em 2015. Segundo a própria WSL, a tecnologia tem o potencial de revolucionar o surf por gerações.


Primeiros anos: Kelly Slater começou a surfar aos 5 anos, em Cocoa Beach, na Flórida, onde nasceu. Aos 10 anos, ele já ganhava eventos para surfistas com menos de 12 anos.  

Em 1984, Slater ganhou o primeiro título no campeonato dos Estados Unidos. Dois anos depois, terminou em terceiro na divisão júnior no campeonato mundial de amadores na Inglaterra. No ano seguinte, venceu o campeonato júnior da Copa do Pacífico na Austrália. O maior surfista de todos os tempos se tornou profissional em 1990. Nos dois primeiros anos no Circuito Mundial, terminou em 90º e 43º no ranking mundial. Em 1992, ele garantiu o pódio em três das cinco primeiras etapas, antes de ganhar seu primeiro evento no WCT: o Rip Curl Pro, na França.

A vitória no Pipeline Masters daquele ano no Havaí garantiu o primeiro título mundial de Kelly Slater. Aos 20 anos, ele se tornou o mais jovem campeão mundial de surf de todos os tempos.

Estatísticas e marcas significativas[editar | editar código-fonte]

  • Recordista de vitórias na carreira: 57
  • Recordista de vitórias no WCT: 56
  • Vitórias na mesma temporada: 7
  • Recordista de Títulos Mundiais: 11 (1992, 1994, 1995, 1996, 1997, 1998, 2005, 2006, 2008, 2010, 2011)
  • Recordista de Títulos Mundiais consecutivos: 5
  • Recordista de vitórias no Pipe Masters: 8 (1992, 1994, 1995, 1996, 1999, 2008, 2013 e 2022)
  • Recordista de vitórias consecutivas no Pipe Masters: 3 (1994-1996)
  • Título Mundial por antecipação: campeão na 9ª das 11 etapas (em Mundaka em 2008)
  • Campeão Mundial mais jovem da história: 20 anos (1992)
  • Campeão Mundial mais velho da história: 39 anos (2011)
  • Vencedor mais velho de uma etapa: 59 anos (em Billabong Pro Pipeline em 5 Fevereiro de 2022)
  • 2 vezes fez a maior pontuação em uma bateria: 20 pontos de 20 possíveis (na final no Taiti em 2005; quartas de final no Volcom Fiji em 2013; Round 5 no Billabong Pro Tahiti em 2016)

Antes da sua 34ª vitória no WCT (Boost Mobile Pro em Lower Trestles, Califórnia numa final contra Pancho Sullivan em 2007), Slater dividia a primeira posição dos maiores vencedores de WCT com Tom Curren (ambos com 33 vitórias).

Vitórias em competições[editar | editar código-fonte]

Kelly Slater surfando em 2006 pelo Boost Mobile Pro na California.
2022
  • WSL *

- Billabong Pro Pipeline (Oahu, Hawaii);

2016

  • WSL *

- Billabong Pro Tahiti (Teahupoo, Tahiti);

  • WQS *

- Volcom Pipe Pro (Pipeline/Oahu, Havai);

2013

  • WCT *

- Quiksilver Pro Gold Coast (Snapper Rocks/Kirra, Australia); - Volcom Pro Fiji (Tavarua/Namotu, Fiji); - Billabong Pro Pipe Masters (Pipeline/Oahu, Havai);

2012

  • WCT *

- Volcom Pro Fiji (Tavarua/Namotu, Fiji); - Hurley Pro Trestles (Trestles, California); - Quiksilver Pro France (Hossegor, França);

2011

  • WCT *

- Quiksilver Pro Gold Coast (Snapper Rocks, Australia); - Billabong Pro Teahupoo (Teahupoo, Tahiti); - Hurley Pro Trestles (Trestles, California);

  • WQS *

- Nike Pro US Open (Huntington Pier, California);

2010

  • WCT *

- Rip Curl Pro (Bells Beach, Victoria - Austrália); - Hurley Pro (Lower Trestles, San Clemente, CA); - Rip Curl Pro Portugal (Peniche, Portugal); - Rip Curl Pro Porto Rico (somewhere in Porto Rico);

2009

  • WCT *

- Hang Loose Santa Catarina Pro (Santa Catarina - Brasil);

2008

  • WCT *

- Quiksilver Pro (Gold Coast, Queensland - Austrália); - Rip Curl Pro (Bells Beach, Victoria - Austrália); - Globe Pro (Tavarua/Namotu, Mamanuca Islands - Ilhas Fiji); - Billabong Pro (Jeffrey's Bay, Eastern Cape - África do Sul); - Boost Mobile Pro (Lower Trestles, Califórnia - EUA); - Billabong Pipeline Masters (Pipeline Beach, Oahu - Havaí);

2007

  • WCT *

- Boost Mobile Pro (Lower Trestles, Califórnia - EUA);

2006

  • WCT *

- Quiksilver Pro (Gold Coast, Queensland - Austrália); - Rip Curl Pro (Bells Beach, Victoria - Austrália);

2005

  • WCT *

- Billabong Pro (Teahupoo, Taiarapu - Tahiti); - Globe Pro (Tavarua/Namotu, Mamanuca Islands - Ilhas Fiji); - Billabong Pro (Jeffrey's Bay, Eastern Cape - África do Sul); - Boost Mobile Pro (Lower Trestles, Califórnia - EUA);

2004

  • WQS *

- Snickers Australian Open (Maroubra/Sydney, New South Wales - Austrália); - Energy Australia Open (Newcastle, New South Wales - Austrália);

2003

  • WCT *

- Billabong Pro (Teahupoo, Taiarapu - Tahiti); - Billabong Pro (Jeffrey's Bay, Eastern Cape - África do Sul); - Billabong Pro (Mundaka, Euskadi - Espanha); - Nova Schin Festival WCT (Florianópolis, Santa Catarina - Brasil);

2002

  • Evento Especial *

- The Quiksilver in Memory of Eddie Aikau (Waimea Bay, Oahu - Havaí);

2000

  • WCT *

- Gotcha Tahiti Pro pres. by Globe (Teahupoo, Taiarapu - Tahiti);

1999

  • WCT *

- Mountain Dew Pipe Masters (Pipeline Beach, Oahu - Havaí);

1998

  • WCT *

- Billabong Pro (Gold Coast, Queensland - Austrália);

  • Evento Especial *

- G-Shock Triple Crown of Surfing (North Shore, Oahu - Havaí);

1997

  • WCT *

- Coke Surf Classic (North Narrabeen, New South Wales - Austrália); - Billabong Pro (Gold Coast, Queensland - Austrália); - Tokushima Pro (Ikumi Beach, Tokushima - Japão); - Marui Pro (Torami Beach, Chiba - Japão); - Kaiser Summer Surf WCT (Praia da Barra, Rio de Janeiro - Brasil);

  • Eventos Especiais *

- Grand Slam (Queensland, West Australia, New South Wales, Victoria - Austrália); - Typhoon Lagoon Surf Challenge (Orlando, Flórida - EUA);

1996

  • WCT *

- Coke Surf Classic (Mobile Event, New South Wales - Austrália); - Rip Curl Pro Saint Leu (Saint Leu - Ilhas Reunião); - CSI pres. Billabong Pro (Jeffrey's Bay, Eastern Cape - África do Sul); - U.S. Open (Huntington Beach, Califórnia - EUA); - Rip Curl Pro (Hossegor, Landes - França); - Quiksilver Surfmasters (Biarritz, Pyrénées Atlantiques - França); - Chiemsee Pipe Masters (Pipeline Beach, Oahu - Havaí);

  • Eventos Especiais *

- Sud Ouest Trophée (Lacanau, Hossegor - França); - Da Hui Backdoor Shootout (Havaí);

1995

  • WCT *

- Quiksilver Pro (G-Land, East Java - Indonésia); - Chiemsee Pipe Masters (Pipeline Beach, Oahu - Havaí);

  • Evento Especial *

- G-Shock Triple Crown of Surfing (North Shore, Oahu - Havaí);

1994

  • WCT *

- Rip Curl Pro (Bells Beach, Victoria - Austrália); - Gotcha Lacanau Pro (Lacanau, Gironde - França); - Chiemsee Pipe Masters (Pipeline Beach, Oahu - Havaí);

  • WQS *

- The Bud Surf Tour (Seaside Reff, Califórnia - EUA); - The Bud Surf Tour (Huntington Beach, Califórnia - EUA);

  • Evento Especial *

- Sud Ouest Trophée (Lacanau, Hossegor - França);

1993

  • WCT *

- Marui Pro (Herbara Beach, Chiba - Japão);

1992

  • WCT *

- Rip Curl Pro Landes (Hossegor, Landes - França); - Marui Masters (Pipeline Beach, Oahu - Havaí);

1990

  • WQS *

- Body Glove Surfbout (Lower Trestles, Califórnia - EUA);

Referências

  1. «ASP World Tour 2014». Consultado em 27 de agosto de 2014. Arquivado do original em 27 de agosto de 2014 
  2. «Mark Richards». Wikipédia, a enciclopédia livre. 19 de março de 2018. Consultado em 29 de março de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Surfe é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Precedido por
Damien Hardman
Campeão mundial de Surfe
1992
Sucedido por
Derek Ho
Precedido por
Derek Ho
Campeão mundial de Surfe
1994-1998
Sucedido por
Mark Occhilupo
Precedido por
Andy Irons
Campeão mundial de Surfe
2005-2006
Sucedido por
Mick Fanning
Precedido por
Mick Fanning
Campeão mundial de Surfe
2008
Sucedido por
Mick Fanning