Kowloon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nota: Este artigo é sobre a área urbana Honconguêsa; para o bairro, consulte Kowloon City. Se procura o distrito , veja Kowloon City (distrito); para outros significados, veja Kowloon (desambiguação).
Kowloon

九龍

Localização em Hong Kong
Localização em
 Hong Kong
População (2006)
 - Total 2 019 533
    • Densidade 43 033 hab./km²
Fuso horário Horário de Hong Kong (UTC+8)

Cidade onde viveu e morreu bruce lee

Kowloon
Chinês tradicional: 九龍
Significado literal Nove dragões
Zhongwen.svg Este artigo contém texto em chinês.
Sem suporte multilingue apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de caracteres chineses.

Kowloon ( /ˌkˈln/; chinês tradicional: 九龍; jyutping: gau2lung4) é uma área urbana de Hong Kong, na China, que compreende a Península de Kowloon e Nova Kowloon 22° 19' N 114° 11' E. Faz fronteira com o Estreito de Lei Yue Mun ao leste, Mei Foo Sun Chuen e a Ilha Ngong Shuen Chau, no oeste, incluindo a Tate's Cairin e Lion Rock Hill, no norte, e o Porto de Vitória, no sul.

Possuía uma população de 2.019.533 habitantes e uma densidade populacional de 43.033/km² em 2006. Kowloon está localizado ao norte da Ilha de Hong Kong e sul da parte continental dos Novos Territórios. A área da península é de aproximadamente 47 km². Kownloon juntamente com a ilha de Hong Kong, contém 48% da população total de Hong Kong.

A sistemática de transcrição Kau Lung ou Kau-lung foi muitas vezes utilizada em nomes de lugares derivados antes da Segunda Guerra Mundial, por exemplo Baía de Kau-lung, em vez de Baía de Kowloon. Outras grafias incluem Kauloong, Kawloong.

História[editar | editar código-fonte]

O nome Kowloon decorre dos nove dragões, um termo que se refere as oito montanhas circundantes de Hong Kong, mais um imperador chinês: Kowloon Peak, Tung Shan, Tate's Cairn, Temple Hill, Unicorn Ridge, Lion Rock, Beacon Hill, Crow's Nest e o Imperador Bing (Dinastia Sung).[1]

A parte sul de Kowloon Boundary Street, juntamente com a Ilha Stonecutters, foram cedidas pela Dinastia Qing para o Reino Unido, sob a Convenção de Pequim de 1860. Por muitos anos, a área permaneceu muito pouco desenvolvida, usada pelos britânicos, principalmente para expedições e caças a tigres. [carece de fontes?]

Kowloon em 1915.

A parte norte de Kowloon Boundary Street (Nova Kowloon) foi alugada pelos britânicos como parte dos Novos Territórios, em 1898 por 99 anos. Dentro da Nova Kowloon, Kowloon City refere-se a uma área onde a Cidade murada de Kowloon costumava ser localizada. A Cidade murada de Kowloon em si foi demolida em 1993. A mesma área foi chamada 官富场( pinyin : Guanfuchang), durante a dinastia Song.[2]

Estatutariamente, "Kowloon" é usado para se referir ao sul da área do Boundary Street e da Ilha Stonecutters. "New Kowloon" também se manteve como parte dos Novos Territórios.

Na cultura moderna, no entanto, New Kowloon muitas vezes não é considerada como parte dos Novos Territórios, porém como parte integrante da área urbana Kowloon em ambos os lados da Boundary Street. Para fins fiscais, New Kowloon não é considerado parte de Kowloon e faz parte dos Novos Territórios, como é refletida nos estatutos. Imóveis em New Kowloon estão sujeitos ao pagamento de arrendamentos de terra, como nos Novos Territórios.

Península de Kowloon ao entardecer.

O desenvolvimento em grande escala de Kowloon começou no início do século XX, com a construção da Kowloon-Canton Railway e da Wharf Kowloon, mas devido a proximidade do Aeroporto Internacional Kai Tak, a construção do edifício foi limitada. Como resultado, em comparação a Ilha de Hong Kong, Kowloon tem um horizonte muito mais baixo.[1] Após a Segunda Guerra Mundial, Kowloon tornou-se extremamente congestionada quando favelas de refugiados da recém-criada República Popular da China deu lugar a conjuntos habitacionais públicos, misturado com residenciais privados, áreas comerciais e industriais.

Kowloon Oeste foi o lar de um estaleiro para a Marinha Real Britânica. A área foi recuperada e hoje é o local de vários desenvolvimentos.

Administração[editar | editar código-fonte]

Política[editar | editar código-fonte]

Kowloon abrange duas circunscrições geográficas para o Conselho Legislativo de Hong Kong:

  • Kowloon Leste incluem Wong Tai Sin e Kwun Tong.
  • Kowloon Oeste incluem Yau Tsim Mong, Sham Shui Po e Kowloon City.

Panorama[editar | editar código-fonte]

Panorama da Península de Kowloon.

Referências

  1. a b Fallon, Steve. Hong Kong and Macau. [S.l.]: Lonely Planet Publishing, 2006. ISBN 981-258-246-0
  2. HAD. «Welcome to 18 Districts» (em inglês). Consultado em 06 de novembro de 2012  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  3. HAD. «Welcome to 18 Districts» (em inglês). Consultado em 06 de novembro de 2012  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  4. HAD. «Welcome to 18 Districts» (em inglês). Consultado em 06 de novembro de 2012  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  5. HAD. «Welcome to 18 Districts» (em inglês). Consultado em 06 de novembro de 2012  Verifique data em: |access-date= (ajuda)