Lonesome Street

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
"Lonesome Street"
Single de Blur
do álbum The Magic Whip
Lançamento 2 de abril de 2015 (2015-04-02)
Formato(s) Download digital, CD
Gênero(s) Rock alternativo
Duração 4:23
Gravadora(s) Parlophone
Composição Damon Albarn, Graham Coxon, Alex James, Dave Rowntree
Produção Stephen Street
Cronologia de singles de Blur
"There Are Too Many of Us"
(2015)
"Ong Ong"
(2015)

"Lonesome Street" é uma canção da banda britânica Blur, parte do álbum The Magic Whip. Foi lançada como terceiro single do projeto, em abril de 2015. A faixa foi lançada nas rádios norte-americanas em 30 de março do mesmo ano.[1] A versão em videoclipe contou com cenas interpretativas de dançarinos chineses da Phoenix Fly Line Dancing Group e alcançou mais de 1 milhão de visualizações.[2]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as canções escritas e compostas por Damon Albarn, Graham Coxon, Alex James e Dave Rowntree

Título Duração
1. "Lonesome Street" (Radio Edit) 3:21
2. "Lonesome Street" (Album Version) 4:23
3. "Lonesome Street" (Instrumental) 4:23
Duração total:
12:07

Referências

  1. «FMQB Airplay Archive: SubModern Rock». Friday Morning Quarterback Album Report, Incorporated. Consultado em 31 de outubro de 2016 
  2. «Blur Enlist Chinese Folk Dancers for 'Lonesome Street' Video». Rolling Stone. Consultado em 9 de abril de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre um single de Blur é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.