Músculo bíceps da coxa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Músculo bíceps da coxa
Origem porção curta: linha áspera do fêmur; porção longa: tuberosidade isquiática
Inserção    cabeça da fíbula e côndilo lateral da tíbia
Vascularização
Inervação n. isquiático
Ações flexão do joelho, extensão do quadril

O músculo bíceps da coxa ou bíceps femoral é um músculo da coxa. Compõe-se de 2 cabeças (ou porções), denominadas curta e longa, com inserção distal comum na cabeça da fíbula e, para alguns autores, também no côndilo lateral (ou externo) da tíbia. Trata-se de músculo bi-articular, visto que cruza o quadril e o joelho, atuando como extensor naquele e flexor neste. Somam-se às suas ações a rotação lateral do joelho quando tal encontra-se fletido. Forma o grupo dos isquiotibiais, ou isquiossurais, junto com os músculos semimembranoso e semitendinoso.

Referências[editar | editar código-fonte]

DÂNGELO, José Geraldo & FATTINI, Carlo Américo. Anatomia básica dos sistemas orgânicos: com a descrição dos ossos, junturas, músculos, vasos e nervos. São Paulo: Editora Atheneu, 2004.

Ícone de esboço Este artigo sobre Anatomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.