Malcolm Coulthard

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Malcolm Coulthard
Nascimento 14 de janeiro de 1943 (77 anos)
Cidadania Reino Unido
Alma mater University College London, Universidade de Birmingham
Ocupação linguista, professor

Richard Malcolm Coulthard (14 de janeiro de 1943)[1] é um linguista britânico, professor emérito da Universidade de Aston.[2] É conhecido por seu trabalho nos campos da análise do discurso e da linguística forense.[3] Foi orientado por Michael Halliday e John Sinclair,[4] sendo considerado um dos introdutores da Linguística Sistêmico-Funcional no Brasil.[5] Notabilizou-se por ter demonstrado como Derek Bentley, um homem executado em 1953 e posteriormente inocentado, não havia de fato falado o que fora transcrito como uma "confissão".[3][6]

Bibliografia selecionada[editar | editar código-fonte]

  • Towards an analysis of discourse: The English used by teachers and pupils (com John Sinclair; Oxford University Press, 1975)
  • Discourse intonation and language teaching (com David Brazil; Longman, 1980)
  • An introduction to discourse analysis (Routledge, 1985)
  • Advances in written text analysis (Routledge, 1994)
  • Texts and practices: Readings in critical discourse analysis (com Carmen Rosa Caldas-Coulthard; Psychology Press, 1996)
  • An Introduction to Forensic Linguistics (com Alison Johnson; Routledge, 2007)
  • The Routledge handbook of forensic linguistics (organizado com Alison Johnson; Routledge, 2010)

Referências

  1. «Coulthard, Malcolm». The Library of Congress. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  2. «Professor Malcolm Coulthard» (em inglês). Aston University. Consultado em 21 de outubro de 2019 
  3. a b Baker, Paul, 1972- (2011). Key terms in discourse analysis. New York, N.Y.: Continuum International Pub. Group. ISBN 9781441173133. OCLC 703257723 
  4. «Malcolm Coulthard». English Language and Linguistics Online. Consultado em 21 de outubro de 2019 
  5. «Linguística Forense: uma entrevista com Malcolm Coulthard» (PDF). Revista Virtual de Estudos da Linguagem. 2014. Consultado em 20 de outubro de 2019 
  6. Coulthard, M. "Whose Text Is It? On the Linguistic Investigation of Authorship", in S. Sarangi e R. M. Coulthard, Discourse and Social Life. London: Longman, pp. 270–89.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]