Maureen O'Sullivan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Maureen O'Sullivan
Nome completo Maureen Paula O'Sullivan
Nascimento 17 de maio de 1911
Boyle; Connacht; Irlanda
Morte 23 de junho de 1998 (87 anos)
Scottsdale; Arizona; EUA
Cidadania irlandesa
norte-americana
Cônjuge
  • John Farrow (c. 1936; m. 1963)
  • James Cushing (c. 1983; v. 1998)
Filho(s) 7, incluindo Patrick Villiers Farrow, Mia Farrow, Prudence Farrow, e Tisa Farrow
Ocupação atriz
cantora
Período de atividade 1930–1994

Maureen Paula O'Sullivan (Boyle, 17 de maio de 1911Scottsdale, 23 de junho de 1998) foi uma atriz irlandesa-estadunidense, mais conhecida por interpretar Jane na série de filmes do personagem Tarzan, estrelada por Johnny Weissmuller.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira cinematográfica em 1929 com pequenos papéis, obtendo em 1931 o papel feminino principal num filme de "Tarzan". Apaixonada pelo próprio trabalho, com inteligência e força de vontade seguia todas as sugestões dos vários cineastas e esta sua docilidade artística valeu-lhe o casamento com o diretor e produtor australiano John Farrow, em 1936.[carece de fontes?]

Por muito tempo Maureen fez o papel da Jane do "Tarzan" (Johnny Weissmuller). A Metro Goldwin Mayer jogou todo o seu poderio para reviver o personagem de Tarzan e fazer deste filme o melhor até então sobre o personagem de Edgar Rice Burroughs. Foi o primeiro filme falado de Tarzan, o diretor era dos melhores do estúdio e o elenco escolhido a dedo. "Tarzan, o Filho das selvas" (Tarzan the Apeman) de 1932 sob a direção de W. S. Van Dyke marca também a estréia de Johnny Weissmuller no cinema, aos 24 anos e já famoso como campeão de natação. É mãe da também famosa atriz Mia Farrow e foi colega de colégio de Vivien Leigh.

Maureen morreu em Scottsdale, aos 87 anos de idade. Está sepultada no Cemitério Redentor Cemitério, Nova York, Estados Unidos.[1]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Referências