Metrocable de Medellín

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Metrocable de Medellín
Metrocable.JPG
Gôndolas em operação.
Informações
Proprietário Município de Medellín
Departamento de Antioquia
Local Flag of Medellín.svg Medellín, Antioquia
País  Colômbia
Tipo de transporte Teleférico Teleférico
Número de linhas 3
Número de estações 10
Website Metro de Medellín > Home
Funcionamento
Início de funcionamento 07 de agosto de 2004[1]
Operadora(s) Empresa de Transporte Masivo del Valle de Aburrá Limitada (ETMVA)[2]
Número de veículos 267
Dados técnicos
Extensão do sistema 9,3 km
Eletrificação Central energética / Energia solar
Velocidade máxima 5 m/s

O Metrocable de Medellín é um sistema de teleférico que opera no município de Medellín, na Colômbia.[3] É operado pela Empresa de Transporte Masivo del Valle de Aburrá Limitada (ETMVA).[2]

É composto atualmente por três linhas, a Linha J, a Linha K e a Linha L, que somam 10 estações e 9,3 km de extensão.[3] O sistema entrou em operação no dia 07 de agosto de 2004.[1] Outras duas linhas, a Linha M e a Linha H, atualmente se encontram em construção.[1]

Faz parte do Sistema Integrado de Transporte del Valle de Aburrá (SITVA), junto com o Metrô de Medellín, a Tranvía de Ayacucho, o Metroplús e o EnCicla.[4]

Atende o município de Medellín, que foi a primeira cidade da América Latina a utilizar o teleférico como meio de transporte de massa, facilitando o acesso de pessoas que moram em regiões de difícil acesso ao Metrô de Medellín.[5] O sistema serviu de inspiração de inspiração para sistemas similares na América Latina, como é o caso do Teleférico do Alemão.[6]

O Sistema[editar | editar código-fonte]

Linhas[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2004 entra em serviço a Linha K com 4 estações (das quais uma é de transferência), esta linha, a primeira experiência em seu tipo, integra um cabo aéreo com o serviço do Metrô (Linha A), o qual é chamado de Metrocable.

Em março de 2008 entra em serviço a Linha J - Metrocable também com 4 estações incluindo a de transferência. Esta nova linha é a segunda experiência em seu tipo e se integra com a Línea B (férrea).

Linha Cor Terminais Abertura Extensão (km) Estações
Linea J (Logo Metro Medellin).svg Amarela San JavierLa Aurora 2008 2,7 km 4
Linea K (Logo Metro Medellin).svg Verde AcevedoSanto Domingo Savio 2004 2,0 km 4
Linea L (Logo Metro de Medellin).svg Marrom Santo Domingo SavioArví 2010 4,6 km 2

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Metrocable Medellin y en CALI?» (em espanhol). El Sol Cali. 14 de outubro de 2014. Consultado em 07 de maio de 2016. 
  2. a b «Empresa de Transporte Masivo del Valle de Aburrá Lda. - Metro de Medellín Ltda. (Metro de Medellín)» (em espanhol). BNamericas. Consultado em 07 de maio de 2016. 
  3. a b «UrbanRail.Net > South America > Colombia > Medellín Metro» (em inglês). UrbanRail.Net. Consultado em 07 de maio de 2016. 
  4. «¿Qué es el SITVA?» (em espanhol). Metroplús. Consultado em 07 de maio de 2016. 
  5. GIL, Mariana (12 de maio de 2012). «Experiência BRT, dia 8: teleféricos encurtam distâncias em regiões de difícil acesso». TheCityFix Brasil. Consultado em 07 de maio de 2016. 
  6. PERES, João (21 de dezembro de 2010). «Inspiração para o Rio, teleférico da Colômbia acompanhou políticas públicas». Rede Brasil Atual. Consultado em 07 de maio de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Metrocable de Medellín