Mirko Cvetković

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Mirko Cvetković
Nascimento 16 de agosto de 1950 (71 anos)
Zaječar (República Socialista Federativa da Iugoslávia)
Cidadania Sérvia
Etnia Sérvios
Alma mater
  • Faculdade de Economia da Universidade de Belgrado
Ocupação economista, político
Religião Igreja Ortodoxa Sérvia
Página oficial
http://www.srbija.gov.rs/vlada/predsednik.php
Assinatura
Mirko Cvetkovic Signature.png

Mirko Cvetković, em cirílico Мирко Цветковић (Zaječar, 16 de agosto de 1950), é um político sérvio, economista e o ex-primeiro-ministro da Sérvia (formalmente, "presidente do Governo"), bem como ex-ministro das Finanças,[1] tendo sucedido a Vojislav Koštunica.

Sua entrada na política se deu após a queda de Slobodan Milošević em janeiro de 2001, quando se tornou ministro da Economia e Privatização no governo do político sérvio Zoran Đinđić.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Seu pai, Srboljub Cvetković, era economista e sua mãe, Stana, trabalhava como farmacêutica. Seu avô, Mirko, um professor, foi morto a tiros em 1941, pelos soldados alemães da Wehrmacht durante um massacre.

Cvetković é casado e tem dois filhos. Além de sua língua nativa, ele fala inglês fluentemente e, como passatempo, toca piano, saxofone e clarinete.

Carreira política[editar | editar código-fonte]

Primeiro-ministro[editar | editar código-fonte]

Em 27 de junho de 2008, o presidente sérvio Boris Tadić nomeou Cvetković primeiro-ministro seguindo as eleições parlamentares que ocorreram em maio do mesmo ano.[2]

Referências

  1. «Mirko Cvetkovic - Prime Minister of Serbia». Consultado em 23 de março de 2011 
  2. http://news.xinhuanet.com/english/2008-06/28/content_8452434.htm Cvetkovic é apontado como novo primeiro-ministro] (em inglês)
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Mirko Cvetković
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.