Mirko Cvetković

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mirko Cvetković
Nascimento 16 de agosto de 1950 (69 anos)
Zaječar
Cidadania Sérvia, República Socialista Federativa da Iugoslávia, República Federal da Iugoslávia, Sérvia e Montenegro
Etnia Sérvios
Alma mater Faculdade de Economia da Universidade de Belgrado
Ocupação economista, político
Religião Igreja Ortodoxa Sérvia
Assinatura
Mirko Cvetkovic Signature.png

Mirko Cvetković, em cirílico Мирко Цветковић (Zaječar, 16 de agosto de 1950), é um político sérvio, economista e o ex-primeiro-ministro da Sérvia (formalmente, "presidente do Governo"), bem como ex-ministro das Finanças,[1] tendo sucedido a Vojislav Koštunica.

Sua entrada na política se deu após a queda de Slobodan Milošević em janeiro de 2001, quando se tornou ministro da Economia e Privatização no governo do político sérvio Zoran Đinđić.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Seu pai, Srboljub Cvetković, era economista e sua mãe, Stana, trabalhava como farmacêutica. Seu avô, Mirko, um professor, foi morto a tiros em 1941, pelos soldados alemães da Wehrmacht durante um massacre.

Cvetković é casado e tem dois filhos. Além de sua língua nativa, ele fala inglês fluentemente e, como passatempo, toca piano, saxofone e clarinete.

Carreira política[editar | editar código-fonte]

Primeiro-ministro[editar | editar código-fonte]

Em 27 de junho de 2008, o presidente sérvio Boris Tadić nomeou Cvetković primeiro-ministro seguindo as eleições parlamentares que ocorreram em maio do mesmo ano.[2]

Referências

  1. «Mirko Cvetkovic - Prime Minister of Serbia». Consultado em 23 de março de 2011 
  2. http://news.xinhuanet.com/english/2008-06/28/content_8452434.htm Cvetkovic é apontado como novo primeiro-ministro] (em inglês)
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Mirko Cvetković
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.