Nelson Évora

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Nélson Évora)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde agosto de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Nelson Évora
campeão olímpico
Atletismo
Modalidade Salto em comprimento e triplo salto
Nascimento 20 de abril de 1984 (34 anos)
Abidjan, Costa do Marfim
Nacionalidade portuguesa
Compleição Peso: 74 kg Altura: 1,83 m
Clube Sporting Clube de Portugal

Nelson Évora GCIH (Abidjan, 20 de abril de 1984) é um atleta português de origem cabo-verdiana.[1] É especialista em triplo salto, embora também pratique salto em comprimento.

É um atleta de alto nível internacional que, actualmente, representa o Sporting Clube de Portugal e que já representou Portugal em várias provas internacionais tendo sido campeão do mundo do triplo salto em 2007 e medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008. Em 2007 recebeu a Medalha Olímpica Nobre Guedes.

A 18 de janeiro de 2012 Nelson Évora lesionou-se com gravidade durante um evento no Centro de Alto Rendimento do Jamor, em Oeiras (Portugal).[2] O atleta voltou a lesionar-se e em Janeiro de 2014 foi anunciada uma artroscopia ao joelho.[3]

Depois de ter lançado o seu site oficial em 2008, relançou-o com nova cara em 2012.[4]

A 27 de Maio de 2015 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.[5]

Nos Jogos Olímpicos de 2016, Nelson Évora ficou em sexto lugar, com a marca de 17,03 metros.

No Verão de 2016, estreia na SIC o documentário “Nelson Évora Como Nunca Antes Visto”, assinado por João Pedro Plácido. Os treinos, as competições, a família e o percurso de Évora até aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro são alguns dos aspectos abordados neste filme, produzido pela Imagina Produções, produtora do realizador luso-francês Rúben Alves (autor do êxito de bilheteira "A Gaiola Dourada").

Em março de 2017, Nelson Évora ganhou a Medalha de Ouro em triplo salto no European Athletics Indoor Championship, em Belgrado, com a marca de 17,20m.

Em Agosto de 2017, Nelson Évora conquista a Medalha de Bronze no Campeonato Mundial de Atletismo em Londres, com a marca de 17,19m, tornando-se no segundo saltador de triplo-salto mais medalhado em Campeonatos Mundiais de Atletismo.

Em Março de 2018, nos Mundiais de Atletismo em Birmingham, Nelson Évora conquista a medalha de bronze. O português fez 17,40 no último salto, ficando a apenas três centímetros do novo campeão mundial de pista coberta do triplo salto, Will Claye (que fez 17,43 metros), e a um da prata... "Mais um fantástico desempenho para o atleta português, que aos 33 anos, está numa fase soberba", sublinha o Record.

Em Agosto de 2018, nos Europeus de Atletismo em Berlim, com a marca de 17,10m, Nelson Évora alcança pela primeira vez na sua carreira a medalha de ouro nesta competição.

Principais marcos na carreira[editar | editar código-fonte]

  • 2001
  • 2003
    • venceu o salto em comprimento e o triplo-salto do Campeonato da Europa de Juniores que decorreu em Tampere na Finlândia.
  • 2004
    • conquistou a medalha de bronze no triplo-salto no Campeonato da Europa Sub-23 que teve lugar em Erfurt na Alemanha.
    • Participou em Atenas nos Jogos Olímpicos de 2004 no triplo salto, tendo falhado a qualificação para a final.
  • 2005
    • participou no Campeonato do Mundo de Atletismo ao Ar Livre em Helsínquia falhando a qualificação para a final por poucos centímetros ao ser 14.º nas eliminatórias quando apenas os 12 primeiros garantiam um lugar na final.
    • conquistou o 3º lugar no Europeu de Sub-23
  • 2006
    • participou no Campeonato do Mundo em Pista Coberta em Moscovo onde alcançou um lugar na final do triplo-salto onde acabaria no sexto lugar.
    • no Campeonato Europeu de Atletismo ao Ar Livre em Gotemburgo acabou em quarto lugar no triplo-salto tendo-se lesionado logo depois do primeiro salto, não podendo lutar pelas medalhas com a marca de 17,07 metros e em sexto no salto em comprimento com a marca de 7,91 metros.
    • participou na Taça da Europa e conquistou o 1º lugar em Triplo salto e Salto em comprimento
Nelson Évora após receber a medalha de ouro em Osaka 2007.
  • 2007
    • participou no Campeonato Europeu de Atletismo em Pista Coberta em Birmingham no triplo salto no qual obteve o 5.º lugar depois de se ter lesionado no primeiro salto e que não possibilitou que efectuasse os restantes nas melhores condições físicas.
    • participou nos Mundiais de Osaka nos quais se sagrou campeão do Mundo de triplo salto com uma marca de 17,74m (segunda melhor marca mundial do ano) e também recorde nacional.[6]
    • participou na Taça da Europa e conquistou o 1º lugar em Triplo salto e Salto em comprimento
  • 2008
    • Jogos Olímpicos de Pequim, Nelson Évora torna-se o 4.º atleta português a levar uma medalha de ouro para Portugal, desta vez no Triplo-Salto, sendo assim Campeão Olímpico (com a marca de 17,67 m), e tornando-se a segunda medalha portuguesa nos Jogos Olímpicos de Pequim.[7]
    • participou no Mundial de Pista Coberta (Valência) e conquistou o 3º lugar em Triplo Salto (com a marca de 17.27)
    • Campeão Nacional de Pista Coberta : 16.89 (Triplo)
  • 2009
    • Ganhou, em 24 de Maio, a prova de triplo-salto do Grande Prémio de atletismo de Belém, no Brasil, com uma marca de 17,66 metros que o coloca na frente do ranking mundial deste ano.
    • Ganhou, em 9 de Julho, durante a Universíada de Verão de 2009 em Belgrado, Sérvia a medalha de ouro no triplo salto com a marca de 17,22 metros.[8]
    • Ganhou, em 18 de Agosto, durante o Mundial de Atletismo em Berlim, a medalha de prata do salto triplo, com a marca de 17,55 m.
    • participou nos Jogos da Lusofonia e conquistou o 1º lugar no Triplo Salto (com a marca de 17.15)
  • 2016
    • participou nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e conquistou o 6º lugar
  • 2017
    • Medalha de ouro no Triplo Salto nos Europeus de pista coberta, em Belgrado com 17,20 metros.
    • Medalha de bronze no Campeonato Mundial de Atletismo de 2017 em Londres na prova de triplo-salto com a marca de 17,19m, tornando-se no segundo saltador de triplo-salto mais medalhado em Campeonatos Mundiais de Atletismo.
  • 2018
    • Medalha de bronze em triplo salto nos Mundiais de Atletismo de pista coberta, em Birmingham, Inglaterra com 17,40 metros.
    • participou no Meeting Diamond League, em Doha, Quatar e conquistou o 4º lugar
    • Medalha de ouro no triplo salto - Campeonato Europeu de Atletismo, em Berlim com 17,10 metros

Recordes[editar | editar código-fonte]

Detém o Recorde de Portugal Absoluto do Triplo Salto tanto ao Ar Livre como em Pista Coberta.

▶O seu atual recorde ao Ar Livre é de 17,74m e foi feito quando venceu o Campeonato do Mundo de Osaka no dia 21 de Agosto de 2007. Com este recorde ocupa atualmente o 25º posto do Ranking Mundial de todos os tempos do Triplo Salto.

Em 2009 durante os Campeonatos de Portugal saltou 17,82m mas a marca não pode ser considerada uma vez que o vento soprava ligeiramente anti-regulamentar (+2.5 m/s).

▶O seu atual recorde em Pista Coberta é de 17,40 m e foi feito em Birmingham a 3 de Março de 2018.

Com 17 anos e ainda com nacionalidade Cabo-Verdiana saltou 16,15m no dia 10 de Junho de 2001 em Braga o que constitui ainda hoje o recorde continental de África de Triplo Salto do escalão de Juvenis.

▶Tem como recorde pessoal no salto em comprimento 8,10m realizado no dia 23 de Junho de 2007 em Milão.


Aos 18 anos naturalizou-se Português e pôde então começar por bater uma série de recordes desde o escalão Junior até aos recordes Absolutos.

É ainda hoje o recordista nacional de Sub-23 e Juniores de Triplo Salto tanto de Ar Livre como de Pista Coberta.

No Salto em Comprimento é também recordista nacional de Sub-23 em Pista Coberta e recordista nacional de Juniores em Pista ao Ar Livre.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Nelson Évora é candidato a atleta português do ano - Primeiro diário caboverdiano em linha» (php). A SEMANA. 9 de novembro de 2008. Consultado em 14 de junho de 2016. 
  2. Atleta-Digital (18 de janeiro de 2012). «Nelson Évora arrisca ausência em Londres» 
  3. Atleta-Digital (2 de janeiro de 2014). «Nelson será de novo operado» 
  4. Atleta-Digital (20 de novembro de 2012). «Nelson Évora relança site oficial» 
  5. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Nelson Évora". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 11 de setembro de 2015. 
  6. maisfutebol. «Mundiais de Atletismo: Nélson Évora de ouro no Triplo-Salto» 
  7. Público Nelson Évora voou para o ouro no "Ninho de Pássaro"
  8. Sítio oficial de Belgrado 2009 (9 de julho de 2009). «Athletics - Men's Triple Jump - Results» (PDF) (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  9. Carlos Barros (7 de Março de 2015). «Évora dá salto de Ouro». RTP 
  10. «REPORT: MEN'S TRIPLE JUMP FINAL – IAAF WORLD CHAMPIONSHIPS, BEIJING 2015». IAAF. Consultado em 27 de Agosto de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Nelson Évora