Os Olhos da Ásia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Os Olhos da Ásia

1996 •  cor •  86 min 
Realização João Mário Grilo
Produção Paulo Branco
Toru Aisawa
Argumento João Mário Grilo
Paulo Filipe
Elenco José Abreu (ator)
Geraldine Chaplin
António Cordeiro
Género drama histórico
Música Jorge Arriagada
Cinematografia Jean-Paul Rosa da Costa
Distribuição Atalanta Filmes (Portugal)
Lançamento 11 de abril de 1997 (POR)[1]
Idioma

Os Olhos da Ásia é um filme nipo-franco-português de 1996, do género drama histórico, realizado por João Mário Grilo, com argumento dele e de Paulo Filipe Monteiro baseado no romance Silêncio (romance), de Shusaku Endo.[2]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em 1538, o padre jesuíta Julião Nakaura, com outros três jovens embaixadores, é enviado do Japão a Roma como prova de que o Japão se convertera ao Cristianismo. Cinquenta anos depois, sua fé passa por nova provação, quando o xogum o obriga a renegá-la. Ele resiste, porém seu companheiro Cristóvão Ferreira, não suportando as atrocidades da tortura, o trai, conduzindo-o à morte.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Prémios e nomeações[editar | editar código-fonte]

Prêmio/evento Categoria Recipiente Resultado
Festival Internacional de Cinema de Locarno 1996 Melhor filme Paulo Branco, Toru Aisawa (prod.) Indicado

Referências

  1. a b «Os Olhos da Ásia». Portugal: SapoMag. Consultado em 26 de setembro de 2021 
  2. «Os Olhos da Ásia». RTP. Consultado em 26 de setembro de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme português é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.