Pierre Gemayel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pierre Gemayel (à direita) com William Hawi.

Sheikh Pierre Gemayel, em árabe: الشيخ بيار الجميّل (Bikfaya, 6 de novembro de 1905  — 29 de agosto de 1984) foi um político do Líbano, fundador das Falanges Libanesas.

Era descendente de uma família que se destacou no Líbano desde o século XVI. Na juventude interessou-se por farmácia e por desporto, tendo participado nos Jogos Olímpicos de Verão de 1936 em Berlim.[1][2]

Opôs-se ao mandato francês no Líbano durante as décadas de 1930 e 1940, lutando sempre por um Estado independente. Hábil político, mantinha posições pragmáticas e participava em numerosas manobras que o levaram a altas esferas do poder. Controverso, sobreviveu a várias tentativas de assassinato.

Foi pai dos também políticos Bashir e Amine Gemayel, ambos eleitos presidentes do Líbano, e avô de Pierre Amine Gemayel.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Pierre Gemayel
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Fisk, Robert (2002). Pity The Nation Nation Books [S.l.] pp. 48–49. 
  2. John Pierre Entelis (1974). Pluralism and Party Transformation in Lebanon: Al-Kataʼib, 1936-1970 BRILL [S.l.] p. 46. ISBN 978-90-04-03911-7. Consultado em 22 October 2012.