Portal:Líbano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portal do Líbano

edit Flag of Lebanon.svg BeirutRaouche1.jpg BaalbekTempleJupiter2.jpg Qadisha.jpg BeirutParliament.jpg Anjar.jpg Libanonzeder.jpg

LocationLebanon.svg

O Líbano (em árabe: لبنان, Lubnān), oficialmente a República do Líbano, é um país pequeno, em grande parte montanhoso do Oriente Médio, localizado na extremidade oriental do Mar Mediterrâneo. Faz fronteira com a Síria ao norte e leste, e Israel ao sul, com uma costa estreita ao longo de sua margem oeste. A sua capital, e maior cidade, é Beirute.

A bandeira do Líbano apresenta o cedro do Líbano em verde sobre um fundo branco, com duas listras vermelhas de dois quartos de altura horizontal na parte superior e inferior. O nome Líbano (também "Loubnan" ou "Lebnan") é derivado da raiz semita "LBN", que significa "branco", uma referência ao Monte Líbano coberto de neve

Até a Guerra Civil Libanesa, o país vivia marcado prosperidade regional. Em julho de 2006, após a reestabilização considerável para grande parte do país, o conflito israelo-libanês trouxe crescentes baixas militares e civis, grande dano à infra-estrutura civil e o deslocamento em massa da população. Após as crises de 2006, o Líbano se levantou mais forte econômica e militarmente, e recuperou sua antiga denominação, de "Suíça oriental" com a sua identidade especial de turismo.


Artigo em destaque

edit

O Condado de Trípoli foi o último dos quatro principais estados cruzados no Levante a ser criado. Localizava-se em territórios que actualmente pertencem à Síria e ao Líbano, tinha a sua capital em Trípoli, e duas das suas cidades mais importantes eram Safita e Tartous.

A população franca do condado era constituída principalmente por cruzados originários do centro da França e da Itália. Dos estados latinos do oriente, este era o único onde se falava a langue d'oc, contrariamente aos outros, onde se falava a langue d'oïl, pelo que a dominação dos normandos de Antioquia foi mal aceite. O século XIII seria mesmo semeado de intrigas, revoltas e assassinatos. Um senhor de Gibelet, vassalo do condado chegou a ofender o seu suserano às portas de Trípoli.


Você sabia…

edit ... que os mais altos cargos de Estado são atribuídos aos três principais grupos religiosos do Líbano: o presidente é maronita, o primeiro-ministro é sunita, enquanto o presidente do Parlamento um xiita?

... que o Líbano é considerado a capital bancária do mundo árabe e é amplamente conhecido como a "Suíça do Oriente Médio"?

... que segundo a mitologia grega, Adônis foi morto por um javali ao pé da cachoeira em Apheca no atual Líbano?

... que o Líbano é adequado para as atividades agrícolas em termos de disponibilidade de água e fertilidade do solo, pois possui a maior proporção de terras cultiváveis ​​no mundo árabe?


Categorias
Mapa

edit

Lebanon sectors map.jpg


Uma aproximação da distribuição dos principais grupos religiosos no Líbano em 1991.

Imagem selecionada

edit

A sede do Parlamento em Beirute.


Biografia selecionada

edit

Hariri.jpg

Rafiq Baha' ad-Din Hariri ou Rafik Bahaa Edine Haririرفيق بهاء الدين الحريري em árabe — (Sídon, 1 de Novembro de 1944 - Beirute, 14 de Fevereiro de 2005). Homem de negócios, magnata e político libanês, foi em duas ocasiões Primeiro-Ministro do Líbano: de 1992 a 1998 e de 2000 a 2004.

Foi assassinado em 14 de Fevereiro de 2005 em Beirute, pela explosão de um carro armadilhado. O crime foi atribuído ao governo sírio, mais concretamente a Ghazi Kanaan, que tinha sido chefe dos Serviços Secretos sírios no Líbano durante o tempo de ocupação do país, facto desmentido pelo próprio acusado e seu governo. Não obstante, Kanaan suicidou-se poucos dias antes de se tornar público o relatório das Nações Unidas sobre o crime. Em 20 de Outubro de 2005, as conclusões apresentadas por Detlev Mehlis no Conselho de Segurança das Nações Unidas implicavam as autoridades sírias no atentado sem especificar o autor.


WikiProjetos
Coisas que você pode fazer

edit

Artigos para desenvolver:

  • Outros artigos:

Artigos para revisar/reciclar:


Artigos para sofrerem fusão: Observação importante: Após fazer a fusão, favor riscar o nome da lista acima usando <s> e </s>.


Artigos para traduzir: Observação importante: Após fazer a fusão, favor riscar o nome da lista acima usando <s> e </s>.


Predefinições a traduzir/completar: Observação importante: Ao criar novos artigos procure criar todos os possíveis redirecionamentos.

Associados Wikimedia

edit

Líbano no Wikinotícias     Líbano no Wikiquote     Líbano no Wikilivros     Líbano no Wikisource     Líbano no Wikcionário     Líbano na Wikiversidade     Líbano no Wikivoyage     Líbano no Commons
Notícias Citações Livros didáticos e manuais Biblioteca Definições Recursos de aprendizado Guias de viagem Imagens e mídia
//pt.wikinews.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWikinews-logo.png
//pt.wikiquote.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWikiquote-logo.svg
//pt.wikibooks.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWikibooks-logo.png
//pt.wikisource.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWikisource-logo.svg
//pt.wiktionary.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWiktionary-logo-en.svg
//pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWikiversity-logo.svg
//pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/L%C3%ADbanoWikivoyage-Logo-v3-icon.svg
//pt.wikipedia.org/wiki/Especial:Search/Commons:L%C3%ADbanoCommons-logo.svg

Recarregar