Portal:Finlândia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
 ver·editar Finlândia Portal da Finlândia
Flag of Finland.svg Coat of arms of Finland.svg
Finland in Europe (-rivers -mini map).svg

Finlândia (em finlandês: Loudspeaker.svg? Suomi , pronunciado: [suomi]; em sueco: Loudspeaker.svg? Finland, pronunciado: [ˈfɪnland]), oficialmente República da Finlândia, é um país nórdico situado na região da Fino-Escandinávia, no norte da Europa. Faz fronteira com a Suécia a oeste, com a Rússia a leste e com a Noruega ao norte, enquanto a Estônia está ao sul através do Golfo da Finlândia. A capital do país é Helsinque. Cerca de 5,3 milhões de pessoas vivem na Finlândia, sendo que a maior parte da população está concentrada no sul do país. É o oitavo maior país da Europa em extensão e o país menos densamente povoado da União Europeia. A língua materna de quase toda a população é o finlandês, que é uma das línguas fino-úgricas e é mais estreitamente relacionado com o estoniano. O finlandês é apenas uma das quatro línguas oficiais da UE que não são de origem Indo-Europeia. A segunda língua oficial da Finlândia - o Sueco - é a língua nativa de 5,5 por cento da população.

O país foi uma parte da Suécia e em 1809 um Grão-Ducado autônomo dentro do Império Russo. A Declaração de independência da Finlândia foi feita em 1917 e foi seguida por uma guerra civil, guerras contra a União Soviética e a Alemanha nazista e por um período de neutralidade oficial durante a Guerra Fria. A Finlândia aderiu à ONU em 1955, à OCDE em 1969, à União Europeia em 1995 e desde o início, faz parte da Zona do Euro. O país foi classificado como o segundo mais "estável" do mundo, depois da Dinamarca, em uma pesquisa baseada em indicadores sociais, econômicos, políticos e militares. O país teve um atraso relativo no seu processo de industrialização, permanecendo como um país essencialmente agrário até os anos 1950. Posteriormente, o desenvolvimento econômico foi rápido e o país atingiu um dos melhores níveis de renda e qualidade de vida do mundo já na década de 1970. Entre 1970 e 1990, a Finlândia construiu um Estado de bem-estar social.

Depois de uma depressão econômica no início de 1990, os sucessivos governos do país reformaram o sistema econômico finlandês, mantendo entretanto um papel do Estado preponderante, servindo tanto como financiador de empresas privadas como sendo ele próprio um stakeholder, através de empresas públicas muito eficazes. O sistema de bem-estar social e uma tradição de estado presente impediram que as experiências de privatizações e desregulamentação econômica europeias fossem plenamente incorporadas na Finlândia.




 ver·editar Artigo destacado
Parada de Jägers finlandeses em Vaasa, após retorno da Alemanha.

A Guerra Civil Finlandesa fez parte do tumulto nacional e social causado pela Primeira Guerra Mundial (1914-1918) na Europa. A guerra foi travada na Finlândia de 27 de janeiro a 15 de maio de 1918, entre as forças dos social-democratas chamados "Vermelhos" (punaiset), apoiadas pela República Soviética da Rússia, e as forças do senado conservador não-socialista, comumente chamados de "Brancos" (valkoiset), apoiados militarmente pelo Império Alemão e voluntários da Suécia.

A derrota na Primeira Guerra Mundial e as revoluções de Fevereiro e Outubro em 1917 geraram um colapso total do Império Russo (que naquele tempo incluía a Finlândia), e a destruição na Rússia resultou em uma correspondente falência da sociedade finlandesa durante 1917. Os social-democratas à esquerda e os conservadores à direita competiram pela liderança do Estado finlandês, que mudou da esquerda para a direita em 1917. Os dois grupos colaboraram com as forças políticas correspondentes na Rússia, aprofundando a divisão no país. Como não havia polícia e Forças Armadas popularmente aceitas para manter a ordem na Finlândia após março de 1917, a esquerda e a direita começaram a criar grupos próprios de segurança, levando ao surgimento de duas tropas militares armadas independentes, as Guardas Branca e Vermelha.


 ver·editar Imagem destacada
Lutheran Cathedral Helsinki.jpg

Catedral de Helsínquia, uma catedral evangélica luterana da Diocese de Helsínquia, localizada no centro de Helsínquia.


 ver·editar Você sabia?
  • ... que a Finlândia é o 13º melhor país segundo o Índice de Desenvolvimento Humano da ONU?
  • ... que a Finlândia ganhou o Eurovisão de 2006 com a canção "Hard Rock Hallelujah", cantada pela banda Lordi?
  • ... que no ponto mais setentrional da Finlândia, o Sol não se põe durante 73 dias no verão e não chega a nascer durante 51 dias no inverno.
  • ... que de acordo com o estudo do Auditório mundial a Finlândia é o país menos corrupto e mais democrático do mundo?
 ver·editar Wikiprojetos

Há um WikiProjeto ativo sobre Finlândia, o Projecto:Finlândia.

 ver·editar Biografia selecionada
Henrik Lalli Ekman.JPG

Santo Henrique de Uppsala (Pyhä Henrik ou piispa Henrik em finlandês, Biskop Henrik ou Sankt Henrik em sueco, Henricus em latim; morreu supostamente em 20 de janeiro de 1156 ) foi um clérigo medieval inglês. Ele foi para a Suécia com o Cardeal Nicholas Breakspeare em 1153 e, provavelmente, foi designado para ser arcebispo de Uppsala, mas a província eclesiástica independente da Suécia só pôde ser estabelecida em 1164, após a guerra civil acabar, e Henrique foi enviado para organizar a Igreja na Finlândia, onde os cristãos já existiam há pelo menos dois séculos. De acordo com os relatos, ele entrou na Finlândia junto com o rei Santo Érico da Suécia e morreu como mártir, tornando-se uma figura central para a Igreja Católica local. No entanto, a autenticidade dos relatos de sua vida, ministério e morte são por vezes contestados.

Junto com seu suposto assassino, Lalli, Henrique continua sendo uma das pessoas mais conhecidas do princípio da história da Finlândia. Sua festa é celebrada pela Igreja Católica da Finlândia, além de ser comemorada em várias denominações protestantes, como as igrejas de orientação anglicana.


 ver·editar Por temas
 ver·editar Colabore!
 ver·editar Categorias
 ver·editar Associados Wikimedia
Finlândia no Wikinotícias     Finlândia no Wikiquote     Finlândia no Wikilivros     Finlândia no Wikisource     Finlândia no Wikcionário     Finlândia na Wikiversidade     Finlândia no Wikivoyage     Finlândia no Commons
Notícias Citações Livros didáticos e manuais Biblioteca Definições Recursos de aprendizado Guias de viagem Imagens e mídia
https://pt.wikinews.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWikinews-logo.png
https://pt.wikiquote.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWikiquote-logo.svg
https://pt.wikibooks.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWikibooks-logo.png
https://pt.wikisource.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWikisource-logo.svg
https://pt.wiktionary.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWiktionary-logo.svg
https://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWikiversity-logo.svg
https://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/Finl%C3%A2ndiaWikivoyage-Logo-v3-icon.svg
//pt.wikipedia.org/wiki/Especial:Search/Commons:Finl%C3%A2ndiaCommons-logo.svg

Recarregar