Plínio Fraga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Plínio José da Fraga Junior (nascido em 1968) é jornalista e mestre em Comunicação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.[1]

Trabalha no jornal O Globo desde outubro de 2012.[2] Antes, trabalhou na revista Piauí[3] e foi repórter especial, secretário de Redação e coordenador da Sucursal do Rio da Folha de S.Paulo entre 2005 e 2011.[4] Atuou na área de política da Folha, na chamada editoria Brasil, da qual foi repórter, editor-assitente, editor-adjunto e editor, período em que participou da cobertura de oito eleições, inclusive as presidenciais de 1994, 1998 e 2002.[5] Foi ainda secretário-assistente de Redação, fechando a Primeira Página.[carece de fontes?] Deixou a Folha em janeiro de 2001 para ser editor de Política do Jornal do Brasil.[carece de fontes?] Retornou ao jornal em outubro do mesmo ano como repórter especial para cobrir a campanha de Luiz Inácio Lula da Silva.[carece de fontes?]

Referências

  1. «Plínio José da Fraga Junior». Escavador. Consultado em 26 de agosto de 2016 
  2. «Plínio Fraga começa no Segundo Caderno de O Globo». www.portaldosjornalistas.com.br. Consultado em 26 de agosto de 2016 
  3. «[revista piauí] Plínio Fraga». Consultado em 26 de agosto de 2016 
  4. «Repórter especial da Folha fala hoje, às 17h, sobre os ataques no Rio». Folha de S.Paulo. Consultado em 26 de agosto de 2016 
  5. «Folha Online - Brasil - Veja entrevista de Marta Suplicy dada à Folha de S.Paulo - 26/10/2000». www1.folha.uol.com.br. Consultado em 26 de agosto de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.