Planeta (revista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A revista Planeta é uma publicação mensal da Editora Três que circula no Brasil desde 1972[1] e aborda temas como esoterismo, ufologia, parapsicologia e política ambiental.

Histórico[editar | editar código-fonte]

A Planeta foi a primeira revista da editora,[1] criada como uma versão brasileira da Planète, fundada em 1963 pelos franceses Louis Pauwels e Jacques Bergier, autores do clássico "O Despertar dos Mágicos" (1961). Porta-voz de um movimento de renovação intelectual chamado realismo fantástico, essa revista fazia furor na França e em outros países onde era editada, para o qual convergiam, ao mesmo tempo, vários vetores da contracultura.[2]

Os primeiros editores da edição brasileira foram:

Entre seus redatores-chefe destacou-se a figura de Elsie Dubugras.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Título de Cidadão do Estado do Rio de Janeiro ao Jornalista Domingo Alzugaray, ALERJ, consultado em 22 de outrubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. Luis Pellegrini. «40 anos de conhecimento» 
  3. Ignacio de Loyola Brandão (Araraquara, 31 de julho de 1936) Festa Literária - Flaq
  4. Biografia - Ignacio de Loyola Lopes Brandão ou Inácio de Loyola Brandão, Enciclopédia Itaú Cultural, consultado em 22 de outrubro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre uma revista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.