Rick McCallum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
McCallum na primeira Star Wars Celebration.

Richard "Rick" McCallum (nascido em 22 de agosto de 1954) é um produtor de cinema ameircano-alemão. Ele é mais conhecido por seu trabalho em The Young Indiana Jones Chronicles e nas edições especiais da trilogia original de Star Wars e trilogia prequela. Além de suas longas colaborações com George Lucas e Dennis Potter.

Carreira inicial e colaboração com Dennis Potter[editar | editar código-fonte]

A carreira de McCallum na produção começou com Pennies from Heaven (1981), a versão cinematográfica da série da BBC, dirigido por Herbert Ross e escrito por Dennis Potter. Após o fracasso comercial do filme, Potter chamou McCallum para trabalhar na Inglaterra.[1] Durante os anos 80, o trabalho de McCallum com Potter incluiu:Dreamchild (1985), a visão de Potter sobre As Aventuras de Alice nos País das Maravilhas, que foi indicado a dois prêmios BAFTA,[2] e Track 29 dirigido por Nicolas Roeg; como produtor executivo da série da BBC, The Singing Detective; e em 1989, da série de Potter Blackeyes.

McCallum também produziu filmes com outros cineastas no época, como David Hare (Strapless); Neil Simon (I Ought to Be in Pictures); Harvey Fierstein, que recebeu dois CableACE Awards pelo filme da HBO, Tidy Endings;[3] e Castaway de Nicolas Roeg. McCallum também produziu um clipe musical para os Rolling Stones, Undercover of the Night, dirigido por Julien Temple.

Colaboração com George Lucas[editar | editar código-fonte]

Foi no set de Dreamchild que McCallum conheceu o criador de Star Wars, George Lucas.[4]

The Young Indiana Jones Chronicles[editar | editar código-fonte]

Vários anos após terem se conhecido, Lucas preparava um programa de televisão do Indiana Jones, The Young Indiana Jones Chronicles, e chamou McCallum para produzir a série ambiciosa, que era para ser filmada em 35 países. Focando-se nos primeiros anos de Indiana Jones – incluiu alta cinematografia, ênfase em contar histórias e personagens, e uma promessa tentadora de novas aventuras a cada semana– McCallum atraiu uma lista de famosos escritores e atores para se juntar a equipe da série. Os diretores que McCallum trabalhou na série foram Bille August, Nicolas Roeg, David Hare, Mike Newell, Deepa Mehta, Terry Jones, Simon Wincer, e Carl Schultz. Durante a exibição de Young Indiana, a Academy of Television Arts & Sciences honorou Young Indiana Jones com 12 Emmy Awards de 27 nomeações.[5] A série foi lançada em DVD em 2007, e McCallum serviu como produtor executivo de 94 aclamados documentários que acompanha os episódios e explica a produção deles.

Star Wars[editar | editar código-fonte]

Quando Young Indiana Jones terminou, McCallum produziu Radioland Murders (1994), que Lucas serviu como produtor executivo. Durante a produção, Lucas disse a McCallum os seus planos de realizar uma nova trilogia de Star Wars. Para testar a nascente tecnologia digital, McCallum produziu versões revisadas de Star Wars, O Império Contra-Ataca, e Return of the Jedi – lançados em 1997 como edições especiais.

McCallum produziu todos os três filmes seguintes, escritos e dirigidos por Lucas: Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma (1999), Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones (2002) e Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith (2005).

As prequelas de Star Wars inauguraram uma nova era de cinematografia digital, e McCallum teve um papel importante no desenvolvimento.

Red Tails[editar | editar código-fonte]

McCallum foi um dos produtores de Red Tails, um filme de ação-aventura que Lucas foi o produtor exceutivo, que honra o esquadrado da Segunda Guerra Mundial, Tuskegee Airmen.

Saída da Lucasfilm[editar | editar código-fonte]

Após a Lucasfilm ser comprada pela Walt Disney Company, em 31 de outubro de 2012, em um podcast no ForceCast.net, Steve Sansweet da Lucasfilm disse que "Rick havia se retirado".[6] Não foi dito como isto afetaria os planos de uma série em live-action de Star Wars que McCallum estava envolvido.[7]

Carreira após deixar a Lucasfilm[editar | editar código-fonte]

McCallum se mudou para Praga na República Checa.[8] Sua empresa com sede em Praga, United Films, desenvolve projetos e fornece servições de produções para filmes checos e europeus.[9][10] Filmes que McCallum tem desenvolvido incluem R'ha, longa de ficção científica baseado num curta-metragem, dirigido por Kaleb Lechowski e roteiro de Matthew Graham;[9] In the Fog, um filme da Segunda Guerra do diretor ucraniano Sergei Loznitsa; So Far So Good (Zatím dobrý), baseado no romance de Jan Novák sobre os irmãos Josef e Ctirad Mašín;[8][11] e (como produtor executivo) A Long Way Home, dirigido por Paki Smith e escrito por Alex Rose.[12]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

A mãe de McCallum, a fotografá Pat York,[13] é casada com o ator Michael York. Seu pai, Roy Alwood McCallum, foi um piloto militar dos EUA.[14][15] A filha de McCallum, Olivia 'Mousy' McCallum, também trabalha na indústria do cinema.[16][17]

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]