Sandro Guido Schmidt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Toto
Informações pessoais
Nome completo Sandro Guido Schmidt
Data de nasc. 26 de agosto de 1968 (50 anos)
Local de nasc. Jaraguá do Sul, SC,  Brasil
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s

1992
1993

1996
1999
Brasil Juventus-SC
Brasil Flamengo
Brasil Paraná
Brasil Cruzeiro
Brasil Criciúma
Brasil Fortaleza

11 (4)


Sandro Luis Schmidt, o Toto (Jaraguá do Sul, 26 de agosto de 1968) é um ex-futebolista brasileiro, que foi atacante do Flamengo, Paraná Clube, Cruzeiro e Juventus (SC).

Carreira[editar | editar código-fonte]

Começou a carreira no Juventus, onde fez muitos gols, sendo artilheiro da segunda divisão do Campeonato Catarinense em 1990 e na primeira divisão de 1991 foi artilheiro do Estadual com 19 gols.

Vários clubes apresentaram interesse em sua contratação já desde seu primeiro ano como profissional, inclusive o tradicional River Plate da Argentina. Seu toque de bola rápido e seus dribles fizeram história em Jaraguá do Sul.

Tanta facilidade para fazer gols, não demorou para o jovem jogador chamar a atenção de grandes clubes do país e do exterior, e Toto acabou acertando em 1992 com o poderoso Flamengo, sendo a maior negociação da história do Juventus de Jaraguá do Sul.

O atacante, disputou o campeonato Brasileiro pela equipe carioca onde se tornou campeão Brasileiro daquele ano, porém, com uma equipe já entrosada o jogador, teve poucas chances, mesmo assim, fez seus gols, tendo a boa média de 9 jogos e 4 gols com a camisa do Flamengo. O centroavante jogou com Gaúcho, Zinho, Paulo Nunes, Djalminha e Júnior e na época apenas 4 jogadores ficavam no banco de reservas, ou seja, era ainda mais complicado para o jovem atacante.

Ao final do mesmo ano, Toto acertou sua transferência para outro gigante do futebol brasileiro, o Cruzeiro de Minas Gerais, e o artilheiro teve um grande destaque na equipe de Minas, sendo campeão Mineiro e artilheiro do campeonato de 1993, Campeão da Super Copa da Libertadores e da Copa do Brasil.  O título da Super Copa foi muito importante, talvez o mais expressivo da carreira do jogador, Toto acabou enfrentando Boca Juniors e River Plate. Toto era um dos destaques da equipe e o sucesso em nível nacional começava ainda mais a aparecer para o jaraguaense.

Porém, um fato marcante aconteceu, Toto era artilheiro da equipe, campeão de vária competições, porém, o Cruzeiro contratou um atacante da Seleção Brasileira Sub-17, até aí nada demais, porém, este atacante era Ronaldo, que anos depois se tornaria o fenômeno.

Toto seguiu titular da equipe, mas, em uma excursão para a Europa, o garoto Ronaldo começou a figurar no banco de reservas. Em um desses jogos, contra o Benfica, Ronaldo entrou na equipe e segundo o próprio Toto acabou com a partida, marcando gols . No amistoso seguinte, Ronaldo já era titular da equipe. Toto, muito jovem e querendo jogar, acabou contrariado com a decisão do treinador e preferiu mesmo sendo artilheiro da equipe buscar espaço em outro clube.

Depois o jogador, acertou com o Paraná Clube, que era a equipe que dominava o futebol paranaense e com destaque no Campeonato Brasileiro. Também jogou no Figueirense e Criciúma.

Encerrou a carreira muito jovem, devido as lesões, aos 32 anos, no Fortaleza.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Flamengo
Cruzeiro
Paraná
Fortaleza