Strelitziaceae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaStrelitziaceae
Strelitzia reginae
Strelitzia reginae
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Zingiberales
Família: Strelitziaceae
Hutchinson
Gêneros
Ver texto
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Strelitziaceae
Classificação Filogenética (APG)

Strelitziaceae é uma família pertencente às Angiospermas monocotiledôneas. Segundo o sistema APG IV (2016), esta família está inserida na ordem Zingiberales, que é grupo irmão das Commelinales. Estas duas ordens, juntamente com Poales e Arecales formam o clado das Comelinídeas, cuja sinapomorfia mais marcante é a parede celular com compostos UV-fluorescentes.

As Strelitziaceae incluem três gêneros: Phenakospermum, Ravenala e Strelitzia, com 7 espécies ao todo.[1].

As plantas pertencentes a esta família geralmente são usadas para ornamentação, como a ave-do-Paraíso (Strelitzia reginae), e a árvore-do-viajante (Ravenala madagascariensis).  Algumas características marcantes desta família são as sementes com arilo plumoso e colorido, além do fruto em capsula. O nome Strelitzia é em homenagem à rainha consorte do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda Sofia Carlota de Mecklemburgo-Strelitz, esposa do rei Jorge III.[2]

Utilizando dados morfológicos e moleculares, acredita-se que os gêneros Ravenala e Phenakospermum formem um grupo monofilético e Strelizia seja grupo irmão de ambos.[3]

Morfologia[editar | editar código-fonte]

As plantas da família Strelitziaceae são herbáceas perenes ou arbóreas. Seu caule subterrâneo é rizomatoso e o aéreo pode ser decumbente, herbáceo ou arborescente.As folhas são verticiladas dísticas, com bainha, pecioladas, simples e com venação peni-paralela. A inflorescência é terminal ou do tipo tirso, com cimeria unípara ou múltipla, e cada cimo com uma grande bráctea espata; as flores são bissexuais, zigomórficas e braqueadas; o perianto é bisseriado, homoclamídeo, trímero, sintepalado e com 5 ou 6 estames; as anteras são fixadas na base, com deiscência longitudinal e com duas tecas; o gineceu é sincárpico, com ovário ínfero, possuindo 3 carpelos e 3 lóculos; o estilete é terminal e filiforme; a placentação é axilar; o número de óvulos é infinito por carpelo. Nectários septais estão presentes. O fruto é do tipo cápsula e as sementes contém arilo. A polinização acontece principalmente por insetos e aves.[2]

Distribuição[editar | editar código-fonte]

O gênero Phenakospermum é nativo da América do Sul, com uma espécie representante (Phenakospermum guayannense). O gênero Ravenala é nativa de Madagascar e o gênero Strelitzia do sul da África. Não endêmico do Brasil, apenas o gênero Phenakospermum (que é constituída de uma espécie, Phenakospermim guiannense) tem representantes no país, sendo encontrado na Floresta Amazônica com ocorrências confirmadas no Acre, Amazonas, Pará, Tocantins e Mato Grosso, em florestas de terra firme e  florestas de várzea.[4]

Importância econômica[editar | editar código-fonte]

Muitas espécies desta família são usadas para a ornamentação, como a Strelitzia reginae e a Ravenala madagascariensis.

Gêneros[editar | editar código-fonte]

Phenakospermum (1 sp.), Ravenala (2 spp.), Strelitzia (4 spp.).[5]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1.  <http://www.theplantlist.org/1.1/browse/A/Strelitziaceae/>, acesso em 27 Jan 2017
  2. a b Simpson, M.G. 2010. Plant Systematics. Ed. 2. Elsevier, Amsterdam.
  3. Cron et al. 2012. Phylogenetic Relationship and Evolution in the Strelitziaceae (Zingiberales). Systematic Botanic (2012), 37 (3): p. 606-619.
  4. Strelitziaceae in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/reflora/floradobrasil/FB24922>. Acesso em: 22 Jan. 2017
  5. «Angiosperm Phylogeny Website». www.mobot.org. Consultado em 29 de janeiro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre monocotiledóneas, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Strelitziaceae
Wikispecies-logo.svg
A Wikispecies possui a família: Strelitziaceae