José Joaquim Teixeira Lopes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Teixeira Lopes, pai)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
José Joaquim Teixeira Lopes
Nascimento 1837
São Mamede de Ribatua
Morte 1918 (81 anos)
Vila Nova de Gaia
Alma mater Universidade do Porto
Ocupação escultor
Alto-relevo em bronze na capela baptismal da Sé do Porto, obra de Teixeira Lopes (pai).
Monumento a D. Pedro V, Largo da Batalha, Porto.
Monumento a D. Pedro V, Largo da Batalha, Porto: vista de costas.

José Joaquim Teixeira Lopes, ou Teixeira Lopes, Pai (Alijó, São Mamede de Ribatua, 24 de Fevereiro de 1837 - Vila Nova de Gaia, 1918) foi um escultor e ceramista português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Foi pai de António Teixeira Lopes, também escultor, e de José Teixeira Lopes, arquitecto.

Estudou na Escola Industrial do Porto. Passou depois uma temporada curta em Paris e, ao retornar, dedicou-se intensamente à cerâmica. Na Fábrica de Cerâmica das Devesas, da qual foi co-fundador, sócio e principal artista, criou um curso de desenho e modelação, o qual eventualmente deu origem à Escola Industrial Passos Manuel, em Vila Nova de Gaia.

Entre as suas obras, destacam-se a estátua de Passos Manuel em Matosinhos; a estátua de D. Pedro V, na Praça da Batalha do Porto (1862) - o primeiro monumento público deste tipo na cidade; o relevo Baptismo de Cristo no baptistério da Sé do Porto; as chamadas Alminhas da Ponte - um relevo em bronze na Ribeira do Porto que recorda o desastre da Ponte das Barcas, ocorrido em 1809; diversas estátuas alegóricas; etc. José Joaquim Teixeira Lopes foi também pintor de azulejos. Atendendo à grande quantidade de artistas a quem ensinou ou que com ele privaram, Teixeira Lopes Pai foi uma das mais influentes figuras da Arte em Portugal, no período do Romantismo

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • DOMINGUES, Ana Margarida Portela - António Almeida da Costa e a Fábrica de Cerâmica das Devesas. Antecedentes, fundação e maturação de um complexo de artes industriais (1858-1888). Dissertação de Mestrado em História da Arte em Portugal, concluída em 2003 e apresentada à Faculdade de Letras da Universidade do Porto em 2004, 2 volumes (217+148 páginas). Sumário: http://queirozportela.com/sumariodevesas.doc
  • PORTELA, Ana Margarida / QUEIROZ, Francisco - A Fábrica das Devesas e o Património Industrial Cerâmico de Vila Nova de Gaia. Famalicão, 2008 (separata de "Arqueologia Industrial", 4ª Série, Vol. IV, n.º 1-2), 47 páginas.
  • DOMINGUES, Ana Margarida Portela - A Fábrica de Cerâmica das Devesas – percurso biográfico dos seus principais artistas. In Actas do "VII Colóquio Luso-Brasileiro de História da Arte - Artistas e Artífices e sua Mobilidade no mundo de expressão portuguesa" (Porto, Viana do Castelo, Barcelos e Póvoa de Varzim, 20 a 23 de Junho de 2005), p. 41-48 (URL: http://www.archive.org/download/ArtistasEArtificesEASuaMobilidade/ArtistasEArtficesColquio.pdf).
  • José Joaquim Teixeira Lopes (Universidade do Porto) [1]
  • http://www.queirozportela.com/ceramica.htm
  • http://www.queirozportela.com/devesas.htm

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]