Touchez pas au grisbi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Touchez pas au grisbi
França
Italia
1954 •  94 min 
Direção Jacques Becker
Produção Robert Dorfmann
Roteiro Jacques Becker
Maurice Griffe
Albert Simonin
Baseado em Touchez pas au grisbi de Albert Simonin
Elenco Jean Gabin
René Dary
Paul Frankeur
Lino Ventura
Música Jean Wiener
Direção de fotografia Pierre Montazel
Edição Marguerite Renoir
Distribuição Les Films Corona
Idioma francês

Touchez pas au grisbi ( [tu.ʃe pɑ o ɡʁiz.bi], em Portugal O Último Golpe, no Brasil Grisbi, Ouro Madlito, literalmente "Não encosta na grana") é um filme franco-italiano de 1954 . O filme foi dirigido por Jacques Becker que também escreu o roteiro em parceria com Maurice Griffe e Albert Simonin, baseado no romance éponimo de Simonin . O filme estrela Jean Gabin, Jeanne Moreau, Lino Ventura, Dora Doll, Delia Scala, René Dary e Marilyn Buferd . Foi exibido em competição no Festival de Veneza de 1954.

Touchez pas au grisbi é o primeiro filme da trilogia de Max le Menteur; seguido por Le cave se rebiffe e Les tontons flingueurs .

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Max é um velho gangster Parisiense, popular com as mulheres e respeitado entre criminosos por sua decência.

Pronto para se aposentar, Max e seu parceiro Ritton cometem um último grande roubo que deixará Max com a vida feita. Porém antes que Max consiga se livrar da ouro que roubaram, Ritton é feito refém por uma gangue rival. Essa gangue é comandada por Angelo que foi alertado pela amante de Ritton, Josy, a respeito do ouro.

Max deverá escolher entre a lealdade ao seu amigo ou ao dinheiro, sujando suas mãos uma última vez antes de se retirar do mundo do crime.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Jean Gabin: Max
  • Marilyn Buferd: Betty
  • René Dary: Riton
  • Lino Ventura: Angelo
  • Jeanne Moreau: Josy
  • Dora Doll: Lola
  • Paul Frankeur Pierrot
  • Lucilla Solivani: Nana
  • Paul Œttly: Oscar
  • Delia Scala: Huguette

Recepção[editar | editar código-fonte]

O filme foi um sucesso em sua estreia, atingindo a quarta maior bilheteria na França em 1954.[1]

Touchez pas au grisbi possui uma aprovação de 100% no Rotten Tomatoes com base em 23 , com uma média ponderada de 8.33 / 10.[2] Foi colocado por Roger Ebert em sua lista "Great Movies".[3]

Referências

  1. «BOX OFFICE FRANCE 1954 TOP 50» 
  2. «Touchez Pas au Grisbi (1954)». Rotten Tomatoes 
  3. Ebert. «Touchez Pas au Grisbi (1954)»  |nome3= sem |sobrenome3= em Authors list (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]