Treino de habilidades sociais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O treino de habilidades sociais (THS) é uma abordagem da terapia comportamental que permite que pacientes que possuem os mais variados graus de deficits comportamentais possam modelar comportamentos mais saudáveis, e assim se tornarem mais confiantes e assertivos perante o convívio social. O treinamento de habilidades sociais é considerado no meio clínico como um dos tratamentos não-farmacológicos mais eficazes para a fobia social. Algumas das técnicas usadas no THS são: a modelagem pelo terapeuta, ensaio comportamental, reforçamento social e o treinamento realizado fora da sessão (tarefas de casa).

O uso de técnicas de THS tem sido recomendado para todos os pacientes com déficits de habilidades sociais, pois esta prática tem se mostrado bastante eficaz em reduzir a ansiedade no confronto interpessoal. A eficácia do THS tem se mostrado eficaz em diversas áreas da vida pessoal e profissional, tanto que especialistas defendem o uso do THS nas escolas.[1][2][3]

Referências

  1. Argyle, M., Bryant, B. M. & Trower, P. (1974). Social skills training and psychoterapy: A comparative study. Psychological Medicine, 4 (2), 435-443
  2. Curran, J. P. (1982). A procedure for the assessment of social skills: The simulated social interaction test. In J. P. Curran. Social skills training: A practical handbook for assessment and treatment (pp. 116-132). New York: Guilford.
  3. Falloon, I. R. H., Lindley, P. & McDonald, R. (1977). Social skills training of out-patient groups: A controlled study with rehearsal and home-work. British Journal of Psychiatry, 131 (5), 599-609.
Ícone de esboço Este artigo sobre psicologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.