União Aduaneira da Eurásia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
União Aduaneira da Eurásia
Eurasian Economic Union (orthographic projection) - Crimea disputed.svg

Tipo União aduaneira
Fundação 01 de janeiro de 2010 (8 anos)
Membros  Bielorrússia
Cazaquistão
 Rússia
 Armênia
Sítio oficial www.eurasiancommission.org

União Aduaneira da Eurásia (UAE) é uma união aduaneira que consiste de todos os Estados-membros da União Econômica Eurasiática. A união é um objetivo principal da Comunidade Econômica Eurasiática, estabelecida em 2000, e agora alcançado pela União Econômica Eurasiática. Nenhuma taxa aduaneira é cobrada sobre as mercadorias transportadas dentro da união aduaneira (ao contrário de uma área de livre-comércio) e os seus membros impõem uma tarifa externa comum a todos os bens que entram na união. Uma das consequências disto é que a União Eurasiática negocia como uma entidade única no comércio internacional de negócios, tais como a Organização Mundial do Comércio, em vez de países-membros individuais.

Ela entrou em vigência em 1 de janeiro de 2010. Seus Estados fundadores são Bielorrússia, Cazaquistão e Rússia.[1] Em 2 de janeiro de 2015, foi ampliada para incluir a Armênia. O Quirguistão aderiram à UAE em 6 de agosto de 2015.[2] O tratado original que instituiu a União Aduaneira foi extinto pelo acordo que institui a União Eurasiática, assinado em 2014, que integrou a União Aduaneira no quadro legal da entidade.

Os Estados-membros continuaram com a integração econômica e removeram todas as fronteiras aduaneiras entre si a partir de julho de 2011. Em 19 de novembro de 2011, os membros montaram uma comissão conjunta para promover os laços econômicos.[3][4] Em 1 de janeiro de 2012, os três Estados formaram um único espaço econômico para promover uma maior integração.[5][6] A Comissão Econômica Eurasiática é a agência regulamentadora da União Aduaneira e da Comunidade Econômica Eurasiática.[7]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]