Wikipédia:Fusão/Central de fusões/Papa Bento XVI; Renúncia do papa Bento XVI

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Discussão:Papa_Bento_XVI#Fundir_o_artigo_Ren.C3.BAncia_do_papa_Bento_XVI já existe a seção renúncia, favor fundir. JAMAL 20h32min de 19 de fevereiro de 2013 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo Não se justifica ter um esboço que não dá para uma secção extensa. Quando houver muito mais conteúdo, aí sim, deve existir uma artigo separado. --Stego (discussão) 21h39min de 19 de fevereiro de 2013 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo Faz todo o sentido fundir. —capmo 23h19min de 19 de fevereiro de 2013 (UTC)
O artigo não crescerá muito mais que isso, não há motivos para crescer mais, afinal ele apenas renunciou, sai um entra outro, pode ser feita a fusão. JAMAL 22h06min de 21 de fevereiro de 2013 (UTC)
Symbol declined.svg Discordo é um evento em curso, tem potencial grande de crescer em conteúdo, tem interwikis - basta traduzir. Melhor esperar mais, e reanalisar posteriormente. W.SE (discussão) 02h38min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Estamos a discutir a fusão para o presente. Ou alguém tem uma bola de WP:CRISTAL para saber que o tema vai ser muito ampliado? Quando for, algo impede de se desfazer o redir? --Stego (discussão) 03h55min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Pra quê a pressa? Aguarda-se mais uns dias ou semanas até o "final" do evento (que por sinal é um evento altamente notório e raro). O artigo separado motiva editores a acrescentar conteúdo/traduzir de outra Wikipédia. O artigo em inglês já está extenso e ficará muito mais nos próximos dias. De qualquer modo, não me oponho à fusão, só acho uma precipitação. W.SE (discussão) 04h05min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Pra quê a pressa? Exatamente! Qual é a pressa de separar o artigo? Nada impede ninguém de introduzir conteúdo, seja traduzindo de outra wiki, seja de outra forma. E até parece que é comum (era bom!) que artigo extenso noutra wiki tivesse alguma correlação apreciável com artigo maior que esboço por aqui... O que não falta por aqui são esboços e mínimos com vários anos com IW bastante extensos. --Stego (discussão) 04h58min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Citação: Pra quê a pressa? Exatamente! Qual é a pressa de separar o artigo? Esse raciocínio faria sentido se artigo ainda estivesse junto. Que bobagem juntar agora, pra depois separar de novo. W.SE (discussão) 11h46min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Não vai crescer mais que isso, vai ter uma linha ou duas a mais falando "foi realizado um conclave e escolheram o novo papa XYZ", apenas isso que vai ter. Não há necessidade de um artigo separado, favor fundir. JAMAL 11h54min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Dei um tapa no artigo, agora tem mais de 10 mil bytes. W.SE (discussão) 12h08min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Outro tapa. Mais uma seção, agora traduzida do artigo em espanhol que está muito melhor e mais extenso que o inglês. W.SE (discussão) 12h21min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Podem fechar essa discussão de fusão, o artigo já está grande o suficiente para inviabilizar a fusão com a biografia do papa. W.SE (discussão) 12h36min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Mesmo com os "tapas" dados, ainda acho que cabe a fusão. O artigo do Papa antes do anúncio da renúncia tinha 62 kbytes ([1]); se somarmos aos 13 kbytes deste outro artigo ainda teremos um tamanho razoável de 75 kbytes, um acréscimo de menos de 5 kbytes a mais no artigo atual (eliminando-se as redundâncias). —capmo 12h50min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
O conteúdo do artigo já transcende os aspectos puramente biográficos do papa. A exemplo da seção Reações. E o evento por si só é altamente notório, devido a sua raridade, pois não acontecia há mais de 500 anos. W.SE (discussão) 13h15min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Citação: W.SE escreveu: «não acontecia há mais de 1.500 anos.» Não é tão raro assim, a última renúncia ocorreu em 1415 (Gregório XII) e a anterior a essa foi em 1294 (Celestino V). —capmo 13h27min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
3 vezes em 1.500 anos não é raro? W.SE (discussão) 13h37min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)
Engana-se novamente, foram pelo menos 6 vezes nos últimos 1.500 anos e 9 ao longo da história da igreja católica, o que dá uma média de 1 renúncia a cada 200 e poucos anos. Mas a questão não é a raridade do evento, mas a pertinência de se ter todo o conteúdo numa única página. Note que a seção sobre a eleição deste papa tem 12 kbytes e não tem uma página própria (nem faria sentido ter). —capmo 14h05min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Minha sugestão: fundir parte desta página com o artigo principal, e parte com Renúncia papal, que está bem fraco de conteúdo. —capmo 14h05min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Caro, isso está beirando o ridículo. É tão difícil admitir que o artigo agora virou um verbete enciclopédico normal, sobre um evento notório? W.SE (discussão) 15h19min de 22 de fevereiro de 2013 (UTC)

Eu acho que ests renúncia é tão insusitada e cheia de desdobramentos que merece permanecer como artigo independente. Leandro LV (discussão) 02h25min de 28 de fevereiro de 2013 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo A renúncia é um caso tão singular que merece um artigo próprio. Aliás, várias passagens em vários artigos enormes deveriam ser desfundidas, para evitar artigos imensos que tornam a leitura e a aplicação de WP:V difíceis. Albmont (discussão) 17h55min de 28 de fevereiro de 2013 (UTC)

E, se a eleição deste papa tem 12k, então é para separar em outro artigo. A eleição dele é irrelevante para sua biografia, o relevante é o que ele fez antes e o que ele fez depois de ser papa. Albmont (discussão) 17h57min de 28 de fevereiro de 2013 (UTC)
Não vejo motivo para essa megalofobia: o artigo do Papa atualmente está com apenas 69k enquanto na dewiki tem 126k e na enwiki 181k. —capmo 02h12min de 1 de março de 2013 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo, pois este é um fato/acontecimento histórico que só acontece uma vez a cada sabe se lá quantos séculos, é um evento único na história geral da humanidade, história da religião e do catolicismo. É notório em todo o mundo com representação e circulação internacional da mídia. Possui ampla verificabilidade. --Zoldyick (discussão) 19h40min de 28 de fevereiro de 2013 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo De fato é inusitado. Acho que já disseram tudo. José Luiz disc 00h17min de 2 de março de 2013 (UTC)

Percebam que há muitos fatos por trás dessa renúncia. Leandro LV (discussão) 01h20min de 2 de março de 2013 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo Está mais que claro que o evento por si só é impactante o suficiente, raro, histórico, importante, inusitado, com impacto mundial, de interesse acadêmico, e amplamente coberto pelos mais diversos tipos de fontes. W.SE (discussão) 03h25min de 2 de março de 2013 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo O evento é singular.Guzzzz (discussão)

Symbol declined.svg Discordo. Além de ser um fato incomum, que por si só já mereça artigo próprio, tanto este como o artigo sobre o Papa Bento XVI ainda podem ser ampliados muito mais e que por isso a separação dos artigos é conveniente, e ainda tem vários interwikis demostrando que outras Wikis também optaram pela separação. Geovani.s Msg - Contrib 01h23min de 8 de março de 2013 (UTC)

Como não houve ninguém que concordasse com a fusão após a expansão do artigo da Renúncia, sugiro fechar esta discussão de fusão. W.SE (discussão) 18h28min de 9 de março de 2013 (UTC)

Concordo que deve ser fechada a discussão. --Stego (discussão) 00h41min de 10 de março de 2013 (UTC)


Não encerrando como não fundir e arquivando-- Leon Saudanha 22h13min de 3 de novembro de 2016 (UTC)