World of Warcraft: Warlords of Draenor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
World of Warcraft: Warlords of Draenor
Desenvolvedora(s) Blizzard Entertainment
Distribuidora(s) Blizzard Entertainment
Compositor(es) Russell Brower
Jason Hayes
Glenn Stafford
Plataforma(s) Windows, Mac OS X
Série Warcraft
Data(s) de lançamento 13 de novembro de 2014[1]
Gênero(s) MMORPG
Modos de jogo Online
Classificação Inadequado para menores de 12 anos i DEJUS (Brasil)
Inadequado para menores de 13 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 12 anos i PEGI (Europa)
World of Warcraft: Mists of Pandaria
World of Warcraft: Legion

World of Warcraft: Warlords of Draenor (World of Warcraft: Senhores da Guerra de Draenor) é o quinto pacote de expansão do MMORPG World of Warcraft. Foi anunciado em 8 de novembro de 2013 por Chris Metzen na BlizzCon 2013.[2] A expansão elevou o nível de 90 para 100, e melhorou a animação das raças, além de trazer um novo mundo: Draenor.

Warlords of Draenor vendeu 3,3 milhões de cópias nas primeiras 24 horas de vendas e a subscrição de membros pulou de 7,3 milhões de usuários para[3] mais de 10 milhões.[4]

Enredo e configuração[editar | editar código-fonte]

A expansão acontece depois do eventos de World of Warcraft: Mists of Pandaria, levando ao mundo de Draenor, terra natal dos orcs, antes de ser destruída e ser Terralém que existe hoje, como destaque em Warcraft II: Beyond the Dark Portal, Warcraft III: The Frozen Throne, e World of Warcraft: The Burning Crusade.

Pelas selvas e planícies marcadas pela guerra de Draenor, os heróis de Azeroth entram em um conflito mítico envolvendo campeões draeneis e poderosos clãs órquicos. Lá os heróis baterão suas lâminas contra personagens lendários como Grommash Grito Infernal, Mão Negra e Ner'zhul no auge de suas forças primevas. Os jogadores terão que revirar uma terra inóspita em busca de aliados para ajudar a montar uma defesa desesperada contra a máquina de conquista da velha Horda, ou a história sangrenta do continente se repetirá.

Entre as indomáveis selvas de Draenor e planícies marcadas pela batalha, uma nova Horda de Ferro foi forjada, a partir dos poderosos e antigos clãs de orcs. Para salvar o próprio mundo de uma invasão iminente, os heróis de Azeroth precisarão explorar os longínquos cantos desta impiedosa terra, conquistando novos poderes no caminho até chegar ao novo nível máximo. Para estabelecer-se em Draenor, os jogadores terão que construir, comandar e expandir sua própria Guarnição, uma base de operações customizável, além de um refúgio para os seguidores que você recrutar para sua causa desesperada. Warlords of Draenor também garantirá aos jogadores o poder de instantaneamente subir um personagem até o nível 90, permitindo que qualquer pessoa possa juntar-se à batalha por Draenor ao lado de seus amigos.[5]

Características básicas[editar | editar código-fonte]

  • Melhoramento nos modelos de 10 raças jogáveis: cinco da Horda e cinco Aliança
  • Nova área: Draenor
  • Novo sistema de raides e masmorras
  • Sistema de Guarnições para os jogadores montarem tropas
  • Limite de nível aumentado para 100
  • Item Squish: nível dos equipamentos reduzido. (OBS: Os personagens não ficarão mais fracos, apenas os números irão diminuir, ou seja, o personagem, que havia 100000 de vida, terá 100.)

Anúncio e desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O site MMO-Champion relatou a possibilidade de Warlords of Draenor ser a nova expansão, com base em um pedido de marca pela Blizzard, apresentado em 31 de outubro de 2013 e aprovado em 5 de novembro de 2013, registrando "Warlords of Draenor". Porém havia um outro arquivo canditado em ser a nova expansão de World of Warcraft. E nele constava o nome "The Dark Below".

Blizzcon 2013[editar | editar código-fonte]

No dia 8 de novembro de 2013, Chris Metzen anunciou Warlords of Draenor durante a abertura do evento.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Links externos[editar | editar código-fonte]

Referências