Zug

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Picto infobox map.png
Zugo
Comuna da Suíça
Zug-coat of arms.svg
Brasão de armas
Zugerberg Obersicht Zug.jpg
Administração
Cantão Zug
Distrito O Cantão Zug não está dividido em distritos
Localização(ões) Lorzen, Oberwil
Comunas
limítrofes
Arth (SZ), Baar, Cham, Hünenberg, Meierskappel (LU), Risch, Steinerberg (SZ), Steinhausen, Unterägeri, Walchwil
Código postal 6300
Prefixo telefónico 041
Língua oficial alemão
Demografia
População 23.649 hab.
Densidade 700 hab./km²
Geografia
Coordenadas 47° 10' N 8° 30' E
Altitude 425 m
Área 33,8 km²
Website oficial www.stadtzug.ch
Localização
Karte Gemeinde Zug.png

Zug ou Zugo (em alemão: Zug) é uma comuna da Suíça, no cantão de Zug, com cerca de 23.649 habitantes. Estende-se por uma área de 33,8 km², de densidade populacional de 700 hab/km². Confina com as seguintes comunas: Arth (SZ), Baar, Cham, Hünenberg, Meierskappel (LU), Risch, Steinerberg (SZ), Steinhausen, Unterägeri, Walchwil.

A língua oficial nesta comuna é o alemão.

Aos 31 de dezembro de 2020 o número de poblação total da municipalidade foi de 30 934 pessoas.[1]

Economia[editar | editar código-fonte]

Zug é uma região com impostos baixos e a sede de uma série de empresas multinacionais. O ranking das cidades expatriadas de 2019, baseado na investigação de mais de 20 000 entrevistados, tem estimado a qualidade de vida em Zug como a mais alta entre todas as cidades que participaram no inquérito. Aproximadamente 30 000 habitantes da cidade têm 24 000 postos de trabalho e umas 12 000 empresas registradas.[2] O empregador mais grande em Zug é Siemens Building Technologies. Outros empregadores grandes na cidade são V-Zug AG, a administração municipal, Zuger Kantonalbank, Coop Zentralschweiz-Zürich, Unilever e Argo-Hytos-Gruppe.

Criptovale[editar | editar código-fonte]

O Zug é chamado Criptovale por causa de grande número de empresas na cidade que trabalham com criptomoedas.[3][4] Mais tarde a palavra “criptovale” tornou-se comum, e neste momento é usada no contexto de qualquer território onde são acumuladas as criptoempresas.[5][6]

Em Janeiro de 2017 em Zug foi organizada a associação independente apoiada pelo governo de Crypto Valley Association com Oliver Bussmann em qualidade de seu presidente.[7]

Entre as organizações que são encontradas no Criptovale figuram Ethereum, Cardano, Polkadot e Bitcoin Suisse.[8]

Referências

  1. «About Zug». zug4you.ch. Consultado em 7 de abril de 2022 
  2. «Die Stadt Zug ist bei Expats besonders beliebt». luzernerzeitung.ch. Consultado em 7 de abril de 2022 
  3. «For Blockchain Startups, Switzerland's 'Crypto Valley' is No New York». coindesk.com. Consultado em 8 de abril de 2022 
  4. «Zug: From Silicon Valley to Crypto Valley». juliusbaer.com. Consultado em 8 de abril de 2022 
  5. «KuCoin Welcomes Swiss Blockchain». kucoin.com. Consultado em 8 de abril de 2022 
  6. «Dubai launching crypto valley in tax-free zone». internationalinvestment.net. Consultado em 8 de abril de 2022 
  7. «European banks break ranks over cryptocurrencies». ft.com. Consultado em 8 de abril de 2022 
  8. «Alpine 'Crypto Valley' pays with Bitcoins». dw.com. Consultado em 8 de abril de 2022 


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Suíça é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.