Adolphe Appia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Adolphe Appia (Genebra, 1 de setembro de 1862 — (Nyon), 29 de fevereiro de 1928). Foi arquitecto e encenador suíço, cujas teorias, especialmente no campo interpretativo da luz, ajudaram a concretizar as encenações simbolistas do século XX. Era contrário a estética realista, por isso quis se utilizar dos elementos expressivos e simbólicos do teatro, da música, e da luz. Foi o primeiro a usar as sombras no palco de forma deliberada, influenciando assim, as modernas concepções de iluminação teatral.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Cronologia

1 de Setembro de 1862 Nasce em Genebra

1880-1888 Estuda música em Genebra, Zurique, Leipzig, Paris, Dresden.

1886 Vê a peça Tristão e Isolda em Beirute

1888 Anuncia a sua intenção de “reformar a cenografia”

1889-1890 Realização de oficinas nos teatros de Dresden e Viena.

1895 Publica La Mise en Scène du Drame Wagnérien.

1896 Esboços de Tristão e Parsifal após L’Or du Rhin e Die Walküre - projecto cénico é deixado para Gustav Mahler.

1906 Descobre a Euritmia de Dalcroze, conhecendo-o. Inicio da sua colaboração.

1906 Retour à la musique L’expérience du rythme

1909 ESPAÇOS RÍTMICOS Le trois piliers Colonnes à gauche La clairière matinale L’escalier L’ombre du cyprès L’avenue du cyprès

1909-1910 ESPAÇO RÍTMICO Le plongeur (+ L’escalier)

1911 Construção do Instituto Jaques-Dalcroze, no Jardim da cidade de Hellerau.

1912 Escreve o artigo La gymnastique rythmique et le théâtre.

1912/1926 Orphée et Eurydice, acto III (Les champs élysées)

1914 Colabora com o Instituto Hellerau na concepção de La Fête de Juin, em Genebra.

1921 Publica L’Oeuvre d’art vivant

1923 Assina os cenários e a encenação de Tristan et Isolde, no Scala de Milão.

1924 Assina os cenários e a encenação de L’Or du Rhin, no teatro de Bâle, Suiça.

1925 Concebe os cenários e a encenação de Walkyrie, também no teatro de Bâle.

1926 Iphigénie en Aulide, Acto I

1927

Publica Curriculum Vitae d’Adolphe Appia par lui-même.

1928 Morre em Nyon, na Suíça