Bandeira da Somália

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira da Somália
Bandeira da Somália
Proporção 2:3
Adoção 12 de Outubro de 1954
Cores
  Azul celeste
  Branco

A bandeira da Somália foi adotada em 12 de Outubro de 1954. Consiste de um pano de cor azul claro em que figura, na sua parte central, uma estrela de cinco pontas de cor branca.

A bandeira da Somália foi desenhada por Mohammed Awale Liban. É da mesma cor usada pela ONU já que se decidiu oferecer um reconhecimento à organização internacional pela ajuda prestada em seu processo de independência da Itália.

As cinco pontas da estrela branca simbolizam as cinco áreas habitadas por somalis: Somalilândia Britânica, Somalilândia Italiana, Somalilândia Francesa (Djibuti), Ogaden (na Etiópia) e o Distrito da Fronteira Setentrional do Quênia.

Outras bandeiras da Somália[editar | editar código-fonte]

Com a queda da monarquia etíope em 1975 o governo da Somália aproveitou a desorganização existente e a guerra da Eritréia para apoiar um movimento pela independência da parte Oriental da Etiópía (Ogadén) e sua posterior união à Somália. O movimento fracassou graças a ajuda militar soviética e cubana à Etiópia. Dirigiu a luta a Frente de Liberação da Somália Ocidental cuja bandeira é verde e vermelha em duas listras verticais: o verde é a cor dos muçulmanos (que são maioria entre os somalis) e o vermelho é pelo sangue derramado; a estrela simboliza o povo. Utilizaram variantes da bandeira na horizontal.

Ícone de esboço Este artigo sobre vexilologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.