Bandeira de Londrina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira de Londrina
Bandeira de Londrina
Aplicação
FIAV 110000.svgFIAV normal.svg
Proporção 7:10
Adoção 27 de novembro de 1959
Cores
  Vermelho
Prata

A Bandeira de Londrina, idealizada por Guilherme de Almeida, foi oficializada pela lei municipal nº 508 de 27 de novembro de 1959. Sua descrição heráldica é a seguinte: de goles com quatro estrelas equidistantes e centradas de prata, postas em cruz.

A lei municipal nº 3.322/1981, que atualizou a descrição do brasão de Londrina, também autorizava a realização de um novo concurso para escolha de uma bandeira. No entanto, a bandeira permanece a mesma desde a sua adoção em 1959.

Vexilologia[editar | editar código-fonte]

Representação alternativa da bandeira, com estrelas em branco branco, seguindo as convenções tradicionais da heráldica.[nota 1]

É descrita da seguinte forma:

  • O formato da bandeira segue as mesmas mesmas medidas aplicadas a bandeira nacional: 20 módulos por 14 módulos.
  • Pavilhão de goles (vermelho) representando a cor da terra, a fertilidade e simboliza o entusiasmo, a coragem e o espírito de luta do povo de Londrina.
  • Quatro estrelas de prata equidistantes e centradas de prata, postas em cruz lembrando o Cruzeiro do Sul e aludindo aos quatro continentes de onde vieram os pioneiros fundadores de Londrina. Equidistantes, as estrelas simbolizam ainda, a expansão em todos os sentidos e direções, os braços abertos aos quatro pontos cardeais e ao equilíbrio. As estrelas são de 5 pontas, e são desenhadas inscritas num num círculo imaginário de 2,5 módulos de diâmetro. Além disso, as duas estrelas centrais distam verticalmente em um módulo das extremidades do pano.

Notas

  1. Na heráldica tradicional, tem-se dois tipos de metais (além das demais esmaltes): o ouro, representado pela cor amarela; e a prata, representada pela cor branca.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]