Brisura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Brisura (do francês, brisure ou briser, que significa romper ou quebrantar), em heráldica, é toda modificação introduzida no brasão de uma família para distinguir as armas que dela procedem. O primogênito de uma família nobre tem direito de levar as armas simples, puras e planas de seus antecessores. Contudo, os filhos posteriores devem modificá-las, alterando sua simplicidade para levá-las sem injúria ao herdeiro. A prática é denominada brisurar os brasões. E é de se notar que o herdeiro que já leva os brasões brisurados deve continuar com esta brisura enquanto seus irmãos têm que adicionar outras e assim vão se multiplicando as brisuras incontáveis.[1]

Brisuras da Casa Real Portuguesa[editar | editar código-fonte]

Armas rei portugal.png
Armas principe real portugal.png
Armas principe beira.png
Armas primeiro infante portugal.png
Armas segundo infante portugal.png
Armas terceiro infante portugal.png
Armas do Monarca português. Armas do Príncipe da Coroa Portuguesa. Armas do Príncipe da Beira. Armas do Primeiro Infante de Portugal. Armas do Segundo Infante de Portugal. Armas do Terceiro Infante de Portugal.

Referências

  1. La brisura heráldica, Armoria.info. Acessado em 02/05/2010. (em espanhol)
Ícone de esboço Este artigo sobre heráldica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.