Língua francesa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Francês (Français)
Falado em: França e 53 outros países
Total de falantes: 220 milhões (dados de 1999)
Posição: 10º
Família: Indo-europeia
 Itálica
  Românica
   Ítalo-Ocidental
    Galo-ibérica
     Galo-românica
      Galo-rética
       Oïl
        Francês (Français)
Estatuto oficial
Língua oficial de: França e 28 outros países
Regulado por: Académie française
Códigos de língua
ISO 639-1: fr
ISO 639-2: fre
ISO 639-3: fra
New-Map-Francophone World.PNG
  Regiões onde é língua materna
  Regiões onde é língua oficial
  Regiões onde é segunda língua
  Regiões onde é língua minoritária

O francês (français, AFI: /fʁɑ̃sɛ/) é uma língua românica com cerca de 136 milhões de falantes nativos no mundo.[1] [2] [3] [4] São 500 milhões se incluídos os que a falam como segunda língua ou como língua estrangeira.[4] [5] Além do mais, cerca de 200 milhões de pessoas aprendem francês como língua estrangeira, o que faz dela a segunda língua mais ensinada no mundo seguida do inglês.[6] Há comunidades francófonas em 56 países e territórios.[7] A maioria dos falantes nativos vive na França, o resto vive essencialmente no Canadá, em particular, na província do Quebec, com minorias nas províncias atlânticas, em Ontário, e pelo resto do Canadá, assim como na Bélgica, na Suíça, em Mônaco, em Luxemburgo e no estado americano da Luisiana.[8] A maioria dos que falam francês como segunda língua vive na África francófona, cujo número excede, pode-se argumentar, o de falantes nativos.[9]

O francês descende do Latim falado através do Império Romano, como também o são outras línguas nacionais como o italiano, o português, o espanhol, o romeno e o catalão, e línguas minoritárias como o provençal, o napolitano e muitas outras. Seus parentes mais próximos são as demais langues d'oïl e as línguas crioulas baseadas no francês. Seu desenvolvimento também foi influenciado pelas línguas celtas nativas da Gália antes da chegada dos romanos e pela língua frâncica dos invasores francos após a partida dos romanos.

É língua oficial em 30 países, a maioria dos quais integra a chamada La Francophonie, a comunidade dos países francófonos. É língua oficial em todas as agências das Nações Unidas e em um grande número de organizações internacionais.

Adicionalmente, do século XVII a meados do século XX, o francês serviu como a linguagem preeminente da diplomacia e de assuntos internacionais, bem como a língua franca entre as classes educadas da Europa. A posição dominante da língua francesa só recentemente foi tomada pela inglesa, desde a emergência dos Estados Unidos como superpotência.[10] [11] [12]

Como resultado das ambições coloniais da França e da Bélgica, entre os séculos XVII e XX, o francês foi introduzido à América, à África, à Polinésia, ao Sudeste Asiático, e ao Caribe.

História[editar | editar código-fonte]

Se bem que no passado muitos franceses gostassem de se referir à sua ascendência dos ancestrais gauleses,[carece de fontes?] resta muito pouca influência céltica no francês atual. A maior parte do vocabulário é de origem latina e germânica (da língua dos francos).

Originalmente eram faladas muitas línguas e dialetos no atual território francês. Entre elas havia vários dialetos de langue d'Oïl, (como o Picardiano, o Valão, etc.), dialetos occitanos (o gascão, o provençal, etc.), o bretão, o basco, o catalão, o baixo-alemão, etc., mas com o tempo o dialeto da Île-de-France (a região em torno de Paris), o franciano, suplantou os outros e transformou-se na base para a língua francesa oficial.

Os mais antigos textos em francês são os Juramentos de Estrasburgo datados de 842; a língua, tal como era no período que vai até cerca de 1300, chama-se francês antigo, depois recebe o nome de francês médio e, finalmente, francês moderno.

O francês antigo transformou-se numa língua literária com as chansons de geste que contam as histórias dos paladinos de Carlos Magno e dos heróis das Cruzadas. Através do Decreto de Villers-Cotterêts, em 1539, o Rei Francisco fez do francês a língua oficial dos procedimentos administrativos e de corte em França, desalojando o latim, que era usado até então. Atualmente foi adotado pela ONU como o segundo idioma de diálogo internacional mais falado no mundo.

Distribuição geográfica[editar | editar código-fonte]

O francês é língua oficial nos seguintes países:

  Regiões onde é língua materna
  Regiões onde é língua oficial
  Regiões onde é segunda língua
  Regiões onde é língua minoritária
País Falantes de 1.ª língua População Dens. pop. Área
  (est. aprox.) (est. Julho 2003) (h/km²) (km²)
 França (Metropolitana) 60 000 000 60 180 600 105 547 030
 República Democrática do Congo 55 225 478 24 2 345 410
 Canadá 6 700 000 32 207 000 3 9 976 140
 Madagáscar 16 979 900 - 587 040
Costa do Marfim 16 962 500 - 322 460
Guiné 10 187 320 40,7 250 158
 Guiné Equatorial 676 000 24,1 28 050
Camarões 15 746 200 - 422 277
Mónaco 35 352 - 2
 Burkina Faso 13 228 500 - 274 200
Mali 11 626 300 - 1 240 000
Senegal 10 580 400 - 196 190
 Bélgica 4 000 000 10 290 000 - 30 510
Ruanda 7 810 100 - 26 338
Haiti 7 527 800 - 27 750
Suíça (milhões) 7 318 638 - 41 290
 Burundi 6 096 156 - 27 830
Togo 5 429 300 - 56 785
República Centro-Africana 3 683 600 - 622 984
República do Congo 2 954 300 - 342 000
Gabão 1 321 500 - 267 667
Comores 63 948 - 2170
Djibouti 457 130 - 23 000
Líbano 3,971,941 - 10,400
 Luxemburgo 100 000 454 157 171 2586
França Guadalupe 442 200 - 1780
França Martinica 390 200 - 1100
 Vanuatu 200 000 - 12 200
Seychelles 80 469 - 455
  Países habitualmente considerados como a África francófona. Estes países tiveram uma população de 363 milhões em 2013.[13] Estima-se que obtenham uma população de 814 milhões em 2050.[13]
É outrossim a língua que cresce o mais rapidamente em todo o continente, tanto como língua oficial quanto como língua estrangeira.[14] [15]
  Países às vezes considerados como a África francófona

Embora não seja oficial, o francês é a principal segunda língua nos países seguintes:

país população dens. pop. área
  (est. Julho 2003) (h/km²) (km²)
 Argélia 32 810 500 - 2 381 440
 Tunísia 9 924 800 - 163 610
Maurícia 1 210 500 - 2040
 Marrocos 31 689 600 - 446 550
Mauritânia 3 069 000 - 1 030 700

Além disso, também há falantes de francês no Egipto, Índia (Pondicherry), Itália (Vale de Aosta), Laos, Reino Unido (Ilhas do Canal), Estados Unidos (especialmente Luisiana e Nova Inglaterra) e Vietname. Historicamente, ao longo de quase 300 anos, o francês foi também a língua das classes dirigentes e do comércio de Inglaterra desde o tempo da Conquista Normanda até 1362, quando o uso da língua inglesa foi retomado.

La Francophonie é uma organização internacional de países e governos francófonos. Também muito importante é o papel da Aliança Francesa para a expansão do francês pelo mundo.

Francês na África[editar | editar código-fonte]

Conforme pode ser observado no mapa ao lado há um continuum de 20 países contíguos onde o francês é a língua oficial e/ou uma das mais faladas. É uma continuidade entre países vizinhos maior do que a do espanhol nas Américas. Três são os países africanos de língua francesa sem continuidade geográfica com esses vinte, Egipto, Djibuti e Madagascar.

Estatuto legal em França[editar | editar código-fonte]

A França obriga ao uso do francês em publicações oficiais do governo, na educação (embora estas disposições sejam frequentemente ignoradas pelos imigrantes e filhos de imigrantes) e em contratos legais. Ao contrário do que diz um mal entendido frequente nos meios de comunicação americanos e britânicos, a França não proíbe o uso de palavras estrangeiras em páginas web ou qualquer outra publicação privada, o que de resto iria entrar em conflito com as garantias constitucionais de liberdade de expressão.

Estatuto legal no Canadá[editar | editar código-fonte]

O francês é uma das duas línguas oficiais do Canadá, sendo a outra o inglês. Várias alíneas da Carta de Direitos e Liberdades do Canadá lidam com o direito dos canadenses de ter acesso a serviços em inglês e em francês em todo o país. Por lei, o governo federal tem de operar e disponibilizar serviços tanto em inglês como em francês, as actas do Parlamento Canadiano devem ser traduzidas tanto para inglês como para francês e todos os produtos canadenses têm de ser etiquetados tanto em inglês como em francês.

O francês é língua oficial na Nova Brunswick, Territórios do Noroeste, e Nunavut, e é a única língua oficial do Quebeque (ou Québec). Veja a Carta da Língua Francesa.

Dialetos do francês[editar | editar código-fonte]

Vogais[editar | editar código-fonte]

A tabela abaixo[16] mostra as vogais da língua francesa:

fonema exemplo transcrição tradução
i si si 'se'
y su sy 'sabido'
ø ceux 'estes'
œ sœur sœʀ 'irmã'
ɶ̃ brun bʀɶ̃ 'marrom'
e ses se 'seus, suas'
ə ce 'este'
ɛ sait 'sabe'
ɛ̃ fin fɛ̃ 'fim'
a sa sa 'sua'
ɑ pâte pɑt massa
ɑ̃ sans sɑ̃ 'sem'
u sous su 'sob'
o sot so 'tonto'
ɔ sort sɔʀ 'destino'
ɔ̃ son sɔ̃ 'seu'

Consoantes[editar | editar código-fonte]

As consoantes são as seguintes:[16]

Bilabiais Labio-
dentais
Dentais Palato-
alveolares
Palatais Velares Uvulares
Oclusivas p b t d k g
Nasais m n ɲ (ŋ)
Fricativas f v s z ʃ ʒ ʀ
Laterais l
Palatais Labio-Palatais Labio-Velares
Aproximantes j ɥ w

Gramática[editar | editar código-fonte]

A gramática da língua francesa é similar às de outras línguas românicas.

O francês é uma língua moderadamente flexionada. Os substantivos e a maioria dos pronomes são flexionados segundo número (singular ou plural); adjetivos, segundo o número e o gênero (masculino ou feminino) dos substantivos modificados por eles; pronomes pessoais, segundo pessoa, número, gênero e caso; e verbos, segundo modo, tempo e segundo a pessoa e o número do sujeito. Indica-se o caso principalmente por meio da ordem das palavras e de preposições. Algumas feições verbais são indicadas por meio de verbos auxiliares.

Sistema de escrita[editar | editar código-fonte]

O francês é escrito com o alfabeto latino.

Algumas expressões comuns[editar | editar código-fonte]

Português Francês Pronúncia
francês français /fʀɑ̃sɛ/
bom dia bonjour /bɔ̃ʒuʀ/
Até à vista
tchau
au revoir /oʀɘvwaʀ/
por favor s'il vous plaît[17]
obrigado merci /mɛʀsi/
de nada de rien /də ʀjɛ̃/
bem-vindo bienvenu [18] /bjɛ̃vəny/
esse celui-là /səlɥila/
essa celle-là /sɛləla/
quanto combien /kɔ̃bjɛ̃/
inglês anglais /ãglɛ/
sim oui /'wi/
não non /nɔ̃/
não compreendo Je ne comprends pas /ʒənəkɔ̃pʀãpɑ/
onde é a casa de banho?(pt)
onde é o banheiro? (br)
Où sont les toilettes? /usɔ̃letwalɛt/
saúde (brinde a alguém) santé /sãte/
fala português? Parlez-vous portugais? /paʀlevupoʀtygɛ/
"Vous parlez portugais?" /vupaʀlepoʀtygɛ/
"Est-ce que vous parlez portugais" /ɛskəvupaʀlepoʀtygɛ/
bem bien /bjɛ̃/
Muito bem Très bien /bjɛ̃/

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:


Wikilivros
O Wikilivros tem um livro chamado Francês
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Língua francesa
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Provérbios franceses

Notas e referências

  1. (em francês) Estimation du nombre de francophones dans le monde en 2005. Tlfq.ulaval.ca. Página visitada em 2010-04-21.
  2. Jacques Leclerc. Francophonie. Tlfq.ulaval.ca. Página visitada em 2010-04-21.
  3. Jacques Leclerc. Francophonie (Qu'est-ce que la?). Tlfq.ulaval.ca. Página visitada em 2010-04-21.
  4. a b Organisation internationale de la Francophonie. Francophonie.org (1970-03-20). Página visitada em 2010-09-10.
  5. Que'est-ce que La Francophonie. Tlfq.ulaval.ca. Página visitada em 2010-09-10.
  6. (em francês) [1]
  7. Université de Laval. Qu'est-ce que la Francophonie?. Página visitada em 2009-10-03.
  8. The Cajun language ''La Louisiane francaise'' Retrieved 2010-3-07. Louisiane.culture.fr (2003-08-21). Página visitada em 2010-04-21.
  9. (francês) La Francophonie dans le monde 2006–2007 publicado pela Organização Internacional da Francofonia. Nathan, Paris, 2007.
  10. Language and Diplomacy - Translation and Interpretation. Diplomacy.edu. Página visitada em 2010-09-10.
  11. Why Is French Considered the Language of Diplomacy?
  12. Language and Diplomacy - Naked Translations
  13. a b Population Reference Bureau. 2013 World Population Data Sheet (PDF). Página visitada em 2013-09-12.
  14. Agora: La francophonie de demain. Página visitada em 2011-06-13.
  15. Bulletin de liaison du réseau démographie. Página visitada em 2011-06-14.
  16. a b AVOLIO, Jelssa Ciardi; FAURY, Mára Lucia. MICHAELIS: dicionário escolar francês: francês-português, português-francês. São Paulo: Editora Melhoramentos, 2002.
  17. (quando relacionado à pessoa Vous, em caso de formalidade, em caso de informalidade, se torna s'il te plaît /siltɘplɛ/ ("sil te plé")
  18. (Quebec)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]