Escoceses

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Escoceses
2ª linha: Flora MacDonaldDonald DewarMaria, Rainha dos EscocesesEwan McGregorRobert BurnsDeborah KerrRoberto I da Escócia
3ª linha: Jackie StewartCharles Rennie MackintoshBilly ConnollyJohn Logie BairdSanta Margarida da EscóciaSean ConneryAlexander Fleming.]]
População total

Diáspora Ancestral
est. 28 000 000 - 40 000 000[1] [2]

Regiões com população significativa
Escócia: 4 459 071 (2001)[3]

 Estados Unidos: ~ 9 365 490[4] [5]
 Canadá: ~ 4 719 850[4]
 Austrália: ~ 1 501 204[6]
 Inglaterra: ~ 795 000
 Argentina: ~ 100 000
 Chile: ~ 80 000
 Nova Zelândia: ~ 12 792[7]

Línguas
Inglês (inglês escocês)
Gaélico escocês • Scots
Religiões
Cristianismo (especialmente presbiterianismo, catolicismo e episcopalianismo); outros grupso minoritários, agnósticos e ateus.
Grupos étnicos relacionados
Ingleses, galeses e irlandeses

Os escoceses (em gaélico escocês: Albannaich; em inglês: Scottish people ou Scots) são os membros de um grupo étnico indígena da Escócia. Historicamente surgiram de uma mistura de povos celtas como os pictos, os gaéis e os britãos.

Atualmente o termo se refere a qualquer indivíduo nascido na Escócia, ou que tenha ligações genéticas ou origens familiares naquele país. O termo latino Scotti[8] originalmente se referia a uma tribo gaélica específica, do século V, que habitava a Irlanda.[9] Embora seja tradicionalmente considerado uma forma arcaica ou pejorativa, o termo Scotch também é utilizado para se referir ao povo escocês, embora principalmente fora do próprio país.[10] [11] [12]

Diversas pessoas de descendência escocesa vivem em outros países; a emigração, influenciada por fatores como as Highland e Lowland Clearances, a participação escocesa no Império Britânico e, posteriormente, o declínio industrial e o desemprego, fizeram com que os escoceses se espalhassem pelo mundo. Grandes comunidades escocesas habitam terras do Novo Mundo, como as Américas do Norte e Sul, Austrália, Nova Zelândia. A maior população de descendentes de escoceses no mundo se encontra nos Estados Unidos, seguido pelo Canadá; estes imigrantes levaram consigo a língua escocesa e a cultura de seu país.[13]

O próprio território da Escócia presenciou diversas migrações e a chegada de diferentes povos nos diferentes períodos de sua história. Os gaélicos de Dál Riada, os pictos e os britões tinham seus respectivos mitos de origem, assim como a maior parte dos povos europeus da Idade das Trevas.[14] Povos germânicos como os anglos e os saxões começaram a chegar no país no início do século VII, enquanto os nórdicos colonizaram diversas regiões da Escócia a partir do século VIII. Na Alta Idade Média, a partir do reinado de Davi I da Escócia, inciou-se alguma migração vinda da França, Inglaterra e dos Países Baixos; diversos sobrenomes tradicionais escoceses, incluindo Bruce, Balliol, Murray e Stewart, chegaram no país neste período.

Referências

  1. The Scottish Diaspora
  2. The Scottish Diaspora and Diaspora Strategy
  3. Table 1.1: Scottish population by ethnic group - All People
  4. a b [1] American Community Survey 2008 by the US Census Bureau estimates 5,827,046 people claiming Scottish ancestry and 3,538,444 people claiming Scotch-Irish ancestry.
  5. Who are the Scots-Irish?
  6. Scottish ancestry 2006 Australian Census
  7. stats.govt.nz
  8. Beda utilizava uma forma latina da palavra Scots para se referir aos gaéis de Dál Riata. Ver: Venerável Beda (Collins, Roger e McClure, Judith ). The Ecclesiastical History of the English People: The Greater Chronicle ; Bede's Letter to Egbert. [S.l.]: Oxford University Press, {1999}. 386 p. ISBN
  9. Cornélio Tácito (trad. para o inglês de Anthony Richard Birley). Agricola and Germany. [S.l.]: Oxford University Press.
  10. Os escoceses, em geral, não gostam de serem chamados pelo termo, e apenas o utilizam para se referir ao Scotch whisky. Muitos não-escoceses, especialmente americanos (muitos até de ascendência escocesa) utilizam, no entanto, o termo de maneira natural, sem qualquer conotação pejorativa ou arcaizante.
  11. "Scotch is still in occasional contemporary use outwith Scotland"
  12. John Kenneth Galbraith, em seu livro The Scotch (Toronto: MacMillan, 1964), documenta como os descendentes dos pioneiros escoceses do século XIX que migraram para o sudoeste de Ontário se referiam carinhosamente a si mesmos como Scotch.
  13. Landsman, Ned C.. Nation and Province in the First British Empire: Scotland and the Americas,. [S.l.]: Bucknell University Press.
  14. Para Beda os Scotti teriam vindo da Espanha, através da Irlanda, e os pictos da Cítia. Harris, Stephen J.. Race and Ethnicity in Anglo-Saxon Literature. [S.l.]: Routledge (UK). 72 p.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Armitage, David. "The Scottish Diaspora" in Jenny Wormald (ed.), Scotland: A History. Oxford UP, Oxford, 2005. ISBN
  • Ritchie, A. e Breeze, D. J. Invaders of Scotland HMSO. (?1991) ISBN-X
  • Scotchirish.net: "Pioneers"
Ícone de esboço Este artigo sobre etnologia ou grupos étnicos é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.