Dao (sabre)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um dos vários tipos de dao ou facão chinês.
Uso do sabre em apresentação de wushu.

Dao (chinês: 刀; pinyin: dão) é uma categoria de espadas chinesas com lâmina de fio de corte único. Por vezes é chamado de "facão chinês". Caracteriza-se como uma categoria: há diversos tipos de espadas que recebem este nome.

Uso[editar | editar código-fonte]

Wushu saber.jpg

Na China, o dao é uma das quatro armas principais, junto com a lança, o bastão gun e a espada, conhecido como “a coragem de todos os soldados”.

Muito popular dentre as armas militares, foi usado em grande escala no exército da China imperial, sendo usada com frequência nas guerras chinesas.

Atualmente é mais utilizado por praticantes dos diversos estilos de Kung Fu. Há sequências de treinamento com Dao em diversas artes marciais chinesas, por exemplo, diferentes formas de Taiji Dao são praticadas associadas às principais linhagens de Tai Chi Chuan.

Esta arma também pode ser manejada em pares.

Características[editar | editar código-fonte]

Dao moderno utilizado nas artes marciais chinesas
Dao chinês da Idade do Bronze.

O sabre chinês moderno apresenta uma lâmina que chega a medir de 65 á 85 cm de comprimento.

Uma forma de medir o tamanho ideal do sabre em relação ao físico do praticante é segurá-lo com a empunhadura na palma da mão e a lâmina apontada para cima. A ponta da lâmina deve passar da altura do ombro.

As armas tradicionais fabricadas com aço ou outras ligas rígidas pesam entre 1.5 a 2 quilos, mas há peças de aço que chegam a pesar até 5 quilos.

O preço de um Dao pode variar de 30 reais, valor de um sabre de madeira para treino de artes marciais, até mais de 3.000 reais, valor de sabres antigos usados em guerras há centenas de anos atrás.

A lâmina[editar | editar código-fonte]

A lâmina de fio e dorso é levemente curva desde o cabo até sua terça parte. Nesse ponto, a seção mais larga da lâmina, a curvatura é mais sinuosa. O terço final do dorso é um arco côncavo em ascendente, unindo-se ao fio projetado em curva para cima.

A guarda[editar | editar código-fonte]

A guarda, ovalada e metálica, separa a lâmina da empunhadura, protegendo o praticante de cortes acidentais e defendendo suas mãos de investidas dos inimigos.

A empunhadura[editar | editar código-fonte]

A empunhadura ou cabo é de madeira e apresenta um leve arco descendente. Seu pomo de metal é usado para desferir estocadas nos adversários.

Os panos[editar | editar código-fonte]

Esta arma costuma trazer amarrado ao cabo um lenço, em geral de duas cores, que serve para desviar a atenção do oponente: ao se prender no rápido movimento das cores, o inimigo não percebe a aproximação de um golpe fatal.

Além dessa função, ao derrotar o adversário, o detentor da arma utilizava-se desses panos para limpá-la do sangue.

Tipos de Dao[editar | editar código-fonte]

Guarda Manchu (1760) armado com seu dao

Diversos tipos de Dao foram criados ao longo dos séculos. Há cerca de 18 tipos de sabres denominados Dao.

Alguns são modificações dos modelos chineses originais inspiradas em armas similares de outras culturas.

Outras variantes tem origem nos Balcãs ou na Turquia, graças ao comércio ou a migrações.

Alguns exemplos:

  • Liu ye dao (柳葉刀) (pinyin: liǔyè dāo), Sabre folha de trigo
Liu Ye Dao (Willow leaf saber).jpg
Yao Dao (Waist Saber) Ming.jpg
Pu Dao (Single Sabre).jpg
Yan Ling Dao (Goose feather Sabre) Song.jpg

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Graff, David A.. Medieval Chinese Warfare, 300-900. London: Routledge, 2002. ISBN 0-415-23955-9
  • Tom, Philip with Scott M. Rodell (February 2005). "An Introduction to Chinese Single-Edged Hilt Weapons (Dao) and Their Use in the Ming and Qing Dynasties". Kung Fu Tai Chi, p. 85
  • Werner, E. T. C.. "Chinese Weapons". Singapore: Graham Brash, 1989. ISBN 9971-4-9116-8

Ver também[editar | editar código-fonte]