Filipe-Emanuel de Lorena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Abril de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Retrato extraído do 'Atrium heroicum Caesarum, 1600-1602.

Filipe-Emanuel de Lorena (9 de setembro de 1558 - 19 de fevereiro de 1602) foi duque de Mercœur e de Penthièvre, marquês de Nomeny, barão d'Ancenis e governador da Bretanha. Nasceu em Nomeny (Lorena) e morreu em Nuremberga. É filho do príncipe Nicolas de Lorena, conde de Vaudémont, na época regente dos ducados de Lorraine e de Bar pelo seu sobrinho Carlos III, e de Jeanne de Savoie-Nemours.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.