Glen Rebka

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Glen Rebka
Física
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Nascimento 1931 (83 anos)
Atividade
Campo(s) Física
Instituições Universidade Yale, Universidade de Wyoming
Alma mater Universidade Harvard
Tese 1961
Orientador(es) Robert Pound
Prêmio(s) Medalha Eddington (1965)

Glen Anderson Rebka, Jr. (1931) é um físico estadunidense.

Rebka obteve um doutorado em 1961 na Universidade Harvard, onde começou a estudar em 1953. A partir de 1961 trabalhou na Universidade Yale, e a partir de 1971 na Universidade de Wyoming, onde foi de 1983 a 1991 chefe do departamento de física e desde 1997 professor emérito. Em adição à sua carreira acadêmica trabalhou como físico experimental de partículas elementares no Laboratório Nacional de Los Alamos. Na Universidade de Wyoming montou a faculdade de astrofísica.

Em 1960 Robert Pound conduziu com sua assistência um experimento, o experimento de Pound-Rebka, usando o efeito Mössbauer para medir o desvio gravitacional para o vermelho da radiação de um raio gama no campo gravitacional terrestre.[1] [2] Pound e Rebka usaram a torre do Laboratório Jefferson da Universidade Harvard, com altura de apenas 22,6 metros. O trabalho fez parte da tese de Rebka, sob orientação de Pound.

Pound e Rebka receberam em 1965 a Medalha Eddington da Royal Astronomical Society.[3]

Referências

  1. R. V. Pound and G. A. Rebka, Jr.: Apparent Weight of Photons. In: Physical Review Letters. Vol. 4, 1. April 1960, pp. 337–341
  2. Robert V. Pound: Weighing Photons. In: Physics in Perspective. Vol. 2, 2000, pp. 224–268, and Vol. 3, 2001, pp. 4–51
  3. Presidential Address on the Award of the Eddington Medal to Professor R. V. Pound and Dr. G. A. Rebka. In: Quarterly Journal of the Royal Astronomical Society. Vol. 6, pp. 123–124

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.