Ibrahim al-Hamdi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Al-Hamdi and Qadi Ali Aburijal abrindo um novo projeto.

O tenente-coronel Ibrahim al-Hamdi (1943 - 11 de outubro de 1977) (em árabe: إبراهيم الحمدي) foi o líder de um golpe militar na República Árabe do Iêmen que derrubou o regime do Presidente Abdul Rahman al-Iryani em 13 de junho de 1974. Após a revolta, foi Presidente do Conselho do Comando Militar que governava o país. Durante seu governo, consolidou o controle do governo central sobre o país, planejou acabar com as lealdades tribais e camadas sociais medievais do Iêmen proclamando todos os iemenitas como iguais. Também melhorou as relações com a Arábia Saudita.

Em 11 de outubro de 1977, a Al-Hamdi foi assassinado junto com seu irmão.[1] O assassinato nunca foi oficialmente investigado.

Referências

  1. Dr. Abdul Hamid al-Bakri. A History Of Yemeni Presidents. National Yemen.
Precedido por
Abdul Rahman al-Iryani
Presidente do Iêmen do Norte
Emblem of Yemen.svg

13 de junho de 197411 de outubro de 1977
Sucedido por
Ahmad al-Ghashmi